Notícias

Notícias

Após morte do filho, pai cria campanha pelo endurecimento das leis de trânsito 

Após morte do filho, pai cria campanha pelo endurecimento das leis de trânsito
Foto: Divulgação Instagram

A perda precoce do filho, de apenas 25 anos, fez o pai criar uma campanha para o endurecimento das leis de trânsito, principalmente as que punem condutores embriagados.

Infelizmente a trágica história é mais comum do que se gostaria. Pedro Caetano, de apenas 25 anos, é mais uma vítima fatal do trânsito brasileiro. Segundo familiares, o jovem teve seu carro atingido por uma caminhonete dirigida por um condutor embriagado. O sinistro ocorreu no início de dezembro, mas Pedro lutou até a última quarta-feira (05) pela própria sobrevivência. Não resistiu.

O pai de Pedro, Rondon Caetano, que é jornalista da Prefeitura de Palmeira dos Índios, determinado em lutar por uma causa muito nobre, não deixando essa perda ser em vão, decidiu criar a campanha denominada “Lei Pedro Caetano” para cobrar o  endurecimento das leis de trânsito, principalmente as que punem condutores embriagados.

“Conto com apoio de todos e a união das famílias que sofrem o mesmo trauma que minha família está sofrendo. Artistas e políticos que quiserem se juntar a nós serão bem vindos. Sua morte não foi em vão”, publicou o pai em suas redes sociais.

O acidente

O acidente aconteceu no dia 05 de dezembro de 2021 em um trecho da BR-316, em Dois Riachos, no Sertão de Alagoas.

Alteração recente

Recentemente o Código de Trânsito Brasileiro foi modificado no sentido de endurecer as penalidades de crimes de trânsito praticados por condutor embriagado. Conforme a nova lei, que entrou em vigor em abril de 2021, fica proibida a substituição das penas privativas de liberdade por penas restritivas de direitos nos crimes de homicídio culposo e de lesão corporal culposa na direção de veículo automotor. Isso quando provado que o condutor estava com capacidade psicomotora alterada em razão da influência de álcool ou de outra substância psicoativa.

O que isso significa?

Ao conduzir um veículo em estado de embriaguez, o condutor que matar ou lesionar alguém no trânsito, mesmo que não tenha tido a intenção, se for condenado à prisão não poderá substituir a pena por serviços comunitários.

Artigos Recomendados Para Você

3 Comentários

  1. Elisio Souza Melo

    Bom dia, gostaria de entrar em contato com o Senhor Robson Caetano, pois trabalho com Educação para o Trânsito já a 48 anos, sou Mestre e Doutor em Trânsito, Arquiteto e também Diretor Teatral. Eu dirijo o espetáculo DEPOIS DE UM ACIDENTE DE TRÂNSITO que estreou em maio de 2019, ficamos dois meses em cartar com casa lotada. E é justamente sobre esse tema de perda de filho no trânsito, muito comovente, com duração de 1h20min. Estamos reestreando agora no dia 4 de maio, na cidade de Salvador, Bahia, queremos convidar a todos e entrar em contato com o Sr. Robson Caetano. Obrigado pelo espaço.
    Me siga no Instagram @elisiosouzamelo

    1. Mariana Czerwonka

      Elisio

      Segue o perfil: https://www.instagram.com/_rondoncaetano/

      Equipe Portal

  2. Elisio Souza Melo

    Ja mandei o comentário

Deixe um comentário

Campos obrigatórios *

Trocar a senha

Identifique-se para receber um e-mail com as instruções de nova senha.

[wp_user active='forgot']