• Tecnodata Reciclagem CNH

Notícias

Notícias

Arrecadação com multas sobe 21,2% em um ano 

Nos sete primeiros meses deste ano, a arrecadação com multas de trânsito em São Paulo já chega a 60% dos R$ 730,5 milhões arrecadados em todo o ano passado com autuações. Segundo balanço da Secretaria de Finanças, de janeiro a julho deste ano foram recebidos R$ 440 milhões pela prefeitura. A quantidade é 21,2% maior que o valor arrecadado no mesmo período de 2011, quando foram recolhidos R$ 363 milhões. Com esse valor, seria possível construir cerca de 240 creches, num custo de R$ 1,818 milhões cada. Para este ano, a previsão é arrecadar 11% mais com autuações de trânsito do que no ano passado e chegar a um recorde de R$ 812,1 milhões. O aumento na arrecadação mostra que as multas deste ano têm sido mais salgadas, já que a quantidade de autuações, feitas por marronzinhos, radares e PMs, dos sete primeiros meses de 2012 e do mesmo período de 2011 continuaram estáveis em 5,6 milhões. Desde 2011, a prefeitura vem aumentando o investimento em fiscalização eletrônica, que é responsável por 70% das multas. Neste ano, a prefeitura vai destinar um valor recorde para a compra de radares fixos, móveis e lombadas eletrônicas: serão R$ 36,5 milhões. Em cinco anos, os gastos da prefeitura com a aquisição desse tipo de tecnologia terá um salto de 88%. Em muitos casos, o motorista que é multado discorda da autuação. É o caso do advogado José Antonio Gorguera, que foi autuado ao menos três vezes por circular com sua van em vias onde o tráfego de caminhões é restrito. Segundo ele, a CET não diferencia o que é caminhão, ônibus e van. A CET afirma que o aumento na arrecadação está condicionado, entre outras coisas, ao recebimento de multas atrasadas. No primeiro semestre, a prefeitura recebeu o pagamento de 447,6 mil multas relativas a períodos anteriores. FONTE: Band

Artigos Recomendados Para Você

Deixe uma resposta

Campos obrigatórios *