Notícias

Notícias

Cidade inglesa “aposta” nas pessoas e elimina calçadas e semáforos 

Sem semáforos

Após inovação, trânsito na cidade de Polynton apresentou melhora graças ao bom senso e gentileza dos motoristas

Para fugir da loucura das grandes cidades, com trânsito engarrafado, stress, semáforos “gritando”, o pequeno município de Polynton, nos arredores de Manchester, na Inglaterra, resolveu tomar uma medida inusitada e acabou com os semáforos e as calçadas. Para muitos, seria o prenúncio do caos. Mas para a cidade inglesa com 15 mil habitantes acabou sendo a solução.

Diferentemente do esperado, o trânsito em Polynton melhorou. Antes, porém, foram feitos testes. Afinal, não se pode mudar algo assim da noite para o dia. Para isso, o semáforo de um dos principais cruzamentos da cidade, chamado Fountain Place, foi desligado. No princípio, a insegurança. Ao longo do dia, contudo, notou-se que as pessoas começaram a revezar na ordem de ultrapassagem. O trânsito fluiu. Tudo por conta do bom senso e da gentileza dos motoristas.

Agora, as pessoas não ficam mais paradas em semáforos ou em congestionamentos. Até mesmo a sinalização tradicional pintada no chão das ruas foi eliminada, junto com as calçadas. Cores diferentes indicam onde cada tipo de veículo deve trafegar e as conversões devem ser negociadas, com motoristas prestando atenção uns aos outros.

Com essa nova organização, facilitou-se ainda a vida de deficientes visuais e cadeirantes, uma vez que os motoristas precisam andar em menor velocidade e os pedestres se deparam com menos obstáculos. A empresa responsável pela revolução foi a Hamilton Baillie Associates. No vídeo abaixo, é possível entender como o novo projeto de trânsito funciona de forma harmônica. Será que esse projeto funcionaria na Terra Papagalli?

Fonte: Bem Paraná

Artigos Recomendados Para Você

Deixe uma resposta

Campos obrigatórios *