Notícias

Notícias

Correta calibragem dos pneus é imprescindível para a segurança 

Correta calibragem dos pneus é imprescindível para a segurança

Calibragem correta dos pneusA calibragem ideal dos pneus assegura a estabilidade, reduz o risco de corte em buracos e garante a integridade da estrutura interna

Em um veículo, os freios param as rodas, mas são os pneus que param o veículo. Como todos os demais itens de segurança, os pneus devem ser constantemente verificados pelo proprietário ou condutor do veículo.

A simples calibragem de pneus pode garantir a estabilidade do veículo, a aderência do pneu ao solo e representar economia de combustível e ainda da vida útil do próprio pneu. “Não basta calibrar os pneus regularmente, é preciso colocar a pressão correta para o veículo, com ou sem carga. Pressões incorretas causam desgaste prematuro e desestabilizam o veículo”, explica Celso Alves Mariano, especialista e diretor do Portal do Trânsito.

A calibragem correta

Sempre ao calibrar os pneus é preciso obedecer às recomendações do fabricante. Além disso, para o pneu ficar com a pressão correta, ele deve ser calibrado quando estiver frio, pois os pneus aquecidos fazem com que o ar dentro deles se expanda e mostre números errados na verificação. “Um carro que circula com a calibragem dos pneus defasada consome mais combustível”, diz Mariano.

Em casos de baixa pressão, que significa falta de ar dentro do pneu, a área de contato com o solo fica alterada e disforme, reduzindo a vida útil do pneu, aumentando o consumo de combustível e modificando sensivelmente sua autonomia. Outras consequências podem ser o superaquecimento e as separações e quebras de estrutura dos pneus.

Já ao contrário, em casos de alta pressão, que significa mais ar do que o máximo suportado, o maior problema está no fato de o pneu ficar mais suscetível a cortes e impactos, deixando o carro muito pior de se dirigir e mudando a dinâmica de estabilidade do veículo.

Ainda segundo o especialista, é necessário fazer o balanceamento das rodas e alinhamento de direção, sempre que trocar os pneus ou notar vibrações no veículo e oscilações no volante. “Alinhamento incorreto pode causar desgaste prematuro, diminuindo muito a durabilidade dos pneus”, conclui Mariano.

Artigos Recomendados Para Você

Deixe uma resposta

Campos obrigatórios *

Trocar a senha

Identifique-se para receber um e-mail com as instruções de nova senha.

[wp_user active='forgot']