Notícias

Notícias

Estresse faz parte da rotina dos motoristas profissionais 

Muita gente não se dá conta, mas eles levam o progresso para toda a nação. Por trás do pão do café da manhã, do arroz com feijão do almoço, do socorro do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) e de outras atividades, está a figura do motorista, cuja data é comemorada no dia 25 de julho.

Completando a semana do profissional do trânsito, dia 27 comemora-se, também, o dia do motociclista. Pesquisas realizadas pela International Stress Management Association no Brasil (Isma-BR) e pelo site americano CareerCast, apontam as profissões de motorista de táxi e ônibus como uma das dez mais estressantes. “Os motoristas enfrentam carga horária de trabalho irregular, baixos salários e constante insegurança.

Além dos problemas enfrentados na cidade, como trânsito constante, ruas esburacadas e até a falta de educação dos outros motoristas. Estes fatores podem contribuir para a fadiga do profissional”, atenta Hélio Aveiro, vice-presidente do Sindicato de Concessionários e Distribuidores de Veículos do DF (SINCODIV/DF). Apesar de todo o estresse, a profissão não serve apenas como ganha pão. Dependendo do caso, o carro pode ser um meio de se construir novas amizades. “A figura do taxista, por exemplo, já não é mais associada apenas ao motorista.

Os motoristas, quando firmam amizades com alguns passageiros, extrapolam a relação comercial. Alguns servem como psicólogos, conselheiros e amigos”, reitera o vice-presidente do SINCODIV/DF. Segundo Aveiro, a data para o dia dos motoristas – que foi instituída em 21 de outubro de 1968, pelo decreto nº 63.461 – está ligada também, a fatores de crença. “O dia 25 de julho é comemorado o dia de São Cristóvão, que é considerado o padroeiro dos motoristas. Daí a origem da associação da data aos motoristas profissionais”, explica.

Data educativa – Quem aproveita para realizar blitze educativas em períodos próximos ao do dia do motorista são os Departamentos de Trânsito (Detran) das unidades federativas. “As ações promovidas pelos Detran em todos os cantos do país são educativas e, sem dúvida, as dicas que os agentes dão ajudam a melhorar o convívio entre os profissionais do trânsito e demais motoristas nas vias de todo o Brasil”, indica Hélio Aveiro. Fonte: Pautas Incorporativa

Artigos Recomendados Para Você

Deixe uma resposta

Campos obrigatórios *

Trocar a senha

Identifique-se para receber um e-mail com as instruções de nova senha.

[wp_user active='forgot']