Trending News

Notícias

Notícias

Manutenção preventiva de veículos evita acidentes e imprevistos 

Se você vai viajar neste feriado, cuidado nas estradas que costumam ter trânsito pesado nesta época. Quando o trânsito fica lento, parado, não adianta ter pressa ao volante. Neste período de feriado no início do ano, muita gente pega a estrada para visitar amigos, parentes, ou em viagens de lazer com a família. Se você vai viajar, para garantir a sua segurança, da sua família, e de outros motoristas é preciso fazer a manutenção preventiva do veículo.

O mecânico Marcos Maekawa em Komaki (Aichi) está com a agenda cheia de clientes. Motoristas que vão sair em viagem e querem o carro em dia. Ele verifica o nível do óleo do motor e recomenda: se estiver baixo, é melhor trocar o quanto antes. Checa também o reservatório do aditivo do radiador, que precisa estar completo com o produto adequado.

Verifica ainda o tanque aonde vai a água dos limpadores de pára-brisa. Depois vem um item também importante que é a bateria do carro. Se o motorista estiver em dúvida sobre a vida útil da bateria, é só parar em um posto de abastecimento e pedir que seja feita a medição.

Bateria fraca é sempre sinal de problema. Pelo sim, pelo não, não custa ter no porta-malas do carro cabos de conexão. Salvam o dia se a tua bateria arrear, ou se você tiver que socorrer alguém com o carro parado no trânsito. Maekawa recomenda que o motorista deve estar sempre atento ao que indica o mostrador no painel do veículo.

Olhe as luzes que se acendem quando você dá a partida. E tem mais. Os limpadores de pára-brisa devem ter sempre as borrachas em ordem na palheta. Nada de borracha velha, gasta, ou aos pedaços. E tem ainda a parte elétrica do carro. Verifique se estão funcionando todos os faróis, setas, piscas de alerta, luz de ré e luz de freio.

Outro item importante são os pneus. O que se recomenda neste período é o uso de pneus apropriados para a neve. E cuidado se for você mesmo que fizer a substituição. Use as porcas corretas no parafuso. O mecânico brasileiro conta que nem sempre a porca original da roda do carro é compatível com a dos pneus de neve. Quem usa sem verificar, corre o risco de ter as porcas soltas do parafuso com o carro em movimento. Risco grande de acidentes. O pneu de neve, propriamente, todo motorista sabe, permite maior aderência do carro na neve e na pista molhada. Substitua todo o conjunto, as quatro rodas. Tem gente que por economia só troca os pneus dianteiros. É errado, é perigoso.

“Pode usar pneu guardado. Se ele foi bem guardado, se não pegou sol, a pessoa pode usar, desde que tenha os milímetros suficientes. Um pneu de neve gasto é mais perigoso que um pneu normal”, adverte Maekawa. Outro item de segurança é o sinalizador, o cilindro plástico vermelho que emite sinal de fogo e deve ser colocado a uma distância segura do carro quebrado, para alertar outros motoristas. Atenção que o dispositivo tem data de validade. Verifique como está o do seu carro antes de pegar estrada. Com tudo em ordem, e com a estrada aberta, é só manter a atenção e fazer uma boa viagem neste feriado.

Respeitando, é claro, os limites de velocidade porque ninguém merece amargar uma multa logo nos primeiros dias do ano.

Fonte: International Press

Notícias Relacionadas

Deixe uma resposta

Campos obrigatórios *