• Tecnodata Reciclagem CNH

Notícias

Moto

Mortes por acidentes com motos aumentam 16,55% 

Mortes por acidentes com motos aumentam 16,55%

O número de pessoas mortas em acidentes de trânsito envolvendo motos tem aumentado em Pernambuco.

O dado é do Comitê Estadual de Prevenção aos Acidentes de Moto, instituído pelo governador Eduardo Campos em 2011 exatamente com a missão de reduzir os acidentes, ferimentos e mortes provocados pelos veículos de duas rodas. O aumento de óbitos foi de 16,55% no primeiro semestre de 2012, comparado com o mesmo período de 2011.

Enquanto entre janeiro e julho do ano passado foram registradas 441 mortes de pessoas que estavam em motos, seja conduzindo o veículo ou como passageiro, no mesmo período deste ano foram 514 mortes. A base de dados é o Instituto de Medicina Legal de Pernambuco (IML).

Para o Comitê Estadual de Prevenção aos Acidentes de Moto, o crescimento está associado à explosão da frota de motocicletas no Estado. Nacionalmente, o aumento da frota de motos foi de 408% nos últimos onze anos. Como a tendência é que a frota de motos, assim como a de automóveis, cresça ainda mais – principalmente com os incentivos que têm sido dados pelo governo federal -, a preocupação do Comitê só aumenta. “O crescimento do número de mortos, inclusive, tem sido maior em algumas cidades do interior do que na capital. Por isso estamos interiorizando a Operação Lei Seca e reforçando a fiscalização para abordarmos cada vez mais motoqueiros”, afimou o diretor educacional do Comitê, o médico Hélio Calábria.

Pelos dados da Lei Seca, 69.259 motoqueiros foram parados nas blitzes de dezembro de 2011 até o último dia 17 no Estado. Na contramão da estatística das motos, o total de óbitos provocados por acidentes envolvendo carros, bicicletas e pedestres diminuiu nos seis últimos meses: carros (1,90%), bicicletas (8,89%) e pedestres (13,76%). De forma geral, as vítimas do trânsito caíram 3,08% em Pernambuco. No primeiro semestre de 2011 foram 1.071 pessoas mortas, enquanto que este ano o total é de 1.038.

Moto Amiga

Diante da epidemia provocada pelas motos, a única saída para tentar reduzir as mortes e os ferimentos é conscientizar os motoristas para que se protejam e dirijam com cuidado, usem todos os equipamentos de segurança e não bebam antes de assumir a direção de uma moto. Não é à toa que em 85% das mortes de motoqueiros registradas nos últimos seis meses no Estado os motoristas estavam sob efeito de álcool ou sem capacete.

Pensando na segurança dos condutores, as concessionárias Honda de Pernambuco, Paraíba e Alagoas criaram o perfil Moto Amiga nas redes sociais (facebook e twitter) e realizaram nesta quinta-feira (18) o I Fórum Moto Amiga de Combate aos Acidentes de Trânsito de Pernambuco, na sede do Detran, no bairro da Iputinga, Zona Oeste do Recife. Para quem quiser seguir, os perfis são: facebook.com/motoamiga e @motoamiga (twitter).

Fonte: Jornal do Commercio

 

Artigos Recomendados Para Você

Deixe uma resposta

Campos obrigatórios *