Notícias

Moto

Ortopedistas discutem impacto social causado por acidente de moto 

Ortopedistas discutem impacto social causado por acidente de moto

Acidente com moto

Cerca de 500 ortopedistas de todo o país se reunirão em Belém durante o XVI Congresso Norte e Nordeste de Ortopedia e Traumatologia, que traz como tema: “Acidente de Moto: Trauma Ortopédico – Impacto Social”. O evento, promovido pela Sociedade Brasileira de Ortopedia e Traumatologia (SBOT-PA) em outubro, avalia a gravidade do traumatismo causado por este tipo de acidente, que tem superlotado os hospitais da rede pública de saúde.

“São dados preocupantes, principalmente pela gravidade dos traumas que refletem diretamente na vida de muitos trabalhadores, levando a mutilações com graves sequelas, e até mesmo a morte”, afirma o ortopedista Rui Barros. Dos atendimentos de urgência e emergência realizados de janeiro a maio deste ano, no Hospital Metropolitano, 45% dos casos foram envolvendo motocicletas. Em números, foram mais de 1.400 registros nos quais os condutores eram a grande maioria jovem, na faixa etária entre 20 a 29 anos, seguida por 31% resultante de colisão entre veículos e 18% por atropelamento.

O mototaxista Carlos Henrique, de 29 anos, se envolveu em um grave acidente de trânsito em 2011, entre uma motocicleta em que trabalhava e um carro particular. Durante o acidente, ocorrido na Av. Júlio César, Carlos sofreu uma fratura exposta no fêmur esquerdo e teve três dedos da mão direita quebrados, o que o impossibilitou de realizar suas atividades diárias e de trabalhar por mais de dois anos, período em que esteve em reabilitação física.

“Foi um período muito doloroso meio a várias cirurgias e sessões de fisioterapia. Sofri algumas sequelas, entre elas, a perda de 1,07 centímetros de altura da perna e que resultou também problemas na coluna”, conta o mototaxista.

De acordo com a Polícia Rodoviária Federal (PRF), nos primeiros meses deste ano foram registrados 113 acidentes, que resultaram em 85 feridos leves, 26 feridos graves e duas mortes. Já em 2013, a PRF registrou a ocorrência de 138 acidentes de trânsito, envolvendo motocicletas e motonetas, que resultaram em 90 feridos leves, 37 feridos graves e cinco mortes.

Fonte: CBN Foz

Artigos Recomendados Para Você

Deixe uma resposta

Campos obrigatórios *

Trocar a senha

Identifique-se para receber um e-mail com as instruções de nova senha.

[wp_user active='forgot']