• Tecnodata Reciclagem CNH

Notícias

Notícias

Projeto determina uso de fotos de acidentes em bebidas 

O consumo de bebida alcoólica está relacionado a 21% dos acidentes de trânsito no País, segundo o Ministério da Saúde. Preocupado com a estatística, o deputado federal Reinaldo Azambuja (PSDB) propôs a inserção de advertência sobre o perigo de beber e dirigir nos vasilhames de bebidas alcoólicas.

O Projeto de Lei 5.050, de autoria do tucano, acrescenta à Lei 9.294/1996 a obrigatoriedade de inserir nas embalagens fotografias de acidentes automobilísticos, com a advertência dos malefícios da combinação álcool-volante. A exemplo do que acontece com a propaganda de cigarros, a norma, se aprovada, também será aplicada à publicidade na televisão.

“As empresas que exploram o ramo de bebidas alcoólicas têm responsabilidades sociais e, por isso, devem contribuir para a mitigação dos efeitos que os seus produtos ocasionam, como é o caso de acidentes automobilísticos”, justificou o deputado. “A combinação álcool-volante pode ser letal. Prejudica as famílias, a sociedade e os cofres públicos”, acrescentou.

Dados

Segundo o Ministério da Saúde, uma em cada cinco vítimas do trânsito atendidas no setor de urgência e emergência de hospitais públicos brasileiros ingeriram álcool. O estudo ouviu 47 mil pessoas em 71 hospitais de todas as capitais e no Distrito Federal. “As estatísticas são as provas mais eloquentes da necessidade da massificação desse tipo de propaganda”, argumentou o parlamentar. “Está comprovado cientificamente que o álcool afeta o raciocínio, o que acaba influenciando no aumento do número de acidentes”.

O número de mortes no trânsito em Mato Grosso do Sul aumentou 96,3% entre 2000 e 2010. Em 2000, foram registrados 401 óbitos. Em 2010, foram 787 (dados preliminares). No País, o trânsito é responsável por mais de 40 mil mortes a cada ano. Os dados são do Mapa da Violência, divulgado no ano passado pelo Instituto Sangari.

Fonte: A Crítica

Artigos Recomendados Para Você

Deixe uma resposta

Campos obrigatórios *