Notícias

Notícias

Vendas de veículos novos caem 5,8% em fevereiro 

As vendas de veículos novos no Brasil recuaram 5,8% em fevereiro na comparação com o mesmo mês de 2012, em meio a um período menor de vendas e redução de estoques com desconto cheio do Imposto sobre Produtos Industrializados (IPI), informaram fontes do mercado nesta sexta-feira. Os licenciamentos de carros, comerciais leves, caminhões e ônibus somaram 235.100 unidades, segundo dados preliminares de emplacamentos, contribuindo para uma queda no bimestre de 7,6% sobre o mesmo período de 2012, para 478.512 unidades. O governo decidiu no fim de 2012 retirar gradualmente, até o final do primeiro semestre deste ano, o desconto no IPI concedido no final de maio, quando a indústria atravessava queda nas vendas, baixa produção e crédito escasso.

Em janeiro, houve recorde de vendas para o mês, mas a indústria possuía em estoque número elevado de veículos com desconto completo do IPI . Além disso, fevereiro de 2012 contou com 29 dias ante 28 neste ano. Na comparação com janeiro, que teve mais dias úteis que fevereiro, as vendas de veículos novos no mês passado recuaram 24,5%. Segundo as fontes, as vendas de automóveis e comerciais leves somaram 222,7 mil unidades em fevereiro, queda de 5,5% na comparação anual. Já os emplacamentos de caminhões somaram 9,93 mil (queda de 9%), enquanto os licenciamentos de ônibus foram de 2,44 mil (recuo de 11,4%). A expectativa da associação de montadoras de veículos, Anfavea, é de crescimento entre 3,5% e 4,5% nas vendas este ano, para recorde entre 3,93 e 3,97 milhões de unidades.

Segundo as fontes, o mercado de automóveis e comerciais leves continuou sendo liderado pela Fiat, que apurou vendas de 49,5 mil unidades em fevereiro, uma participação de 22,2%. A Volkswagen registrou vendas de 43,7 mil, enquanto a General Motos teve licenciamentos de 39,1 mil unidades. A Ford emplacou 19,7 mil automóveis e comerciais leves em fevereiro, disseram as fontes, enquanto os veículos da marca sul-coreana Hyundai registraram 14,6 mil licenciamentos, acima do volume de emplacamentos da Renault, de 11,1 mil unidades no mês passado. A montadora francesa parou sua fábrica no Paraná entre o final de 2012 e início deste ano para ampliação enquanto a Hyundai inaugurou fábrica de veículos compactos no País em novembro, ampliando oferta em relação aos produtos da marca que já são produzidos e importados pelo grupo brasileiro Caoa. A associação de concessionárias de veículos Fenabrave divulga o balanço consolidado de vendas de fevereiro na terça-feira. Já a Anfavea anuncia dados de produção no dia seguinte.

Reuters

Artigos Recomendados Para Você

Deixe um comentário

Campos obrigatórios *

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nossos sites, personalizar publicidade e recomendar conteúdo de seu interesse. Ao acessar o Portal do Trânsito, você concorda com o uso dessa tecnologia. Saiba mais em nossa Politica de Privacidade.

Trocar a senha

Identifique-se para receber um e-mail com as instruções de nova senha.

[wp_user active='forgot']