Notícias

Opinião

Mulheres no volante, perigo constante? Informação equivocada… 

Mulheres no volante, perigo constante? Informação equivocada…

Li uma matéria hoje muito interessante. Uma pesquisa do Denatran Mulher no Trânsito (Departamento Nacional de Trânsito) revela que dos condutores envolvidos em acidentes de trânsito com vítimas, ocorridos de 2004 a 2007, apenas 11% eram mulheres. De acordo com o levantamento, 1.702.738 de condutores estiveram envolvidos em 1.574.829 acidentes de trânsito com vítimas registrados nesse período. Considerando a média de condutores envolvidos identificou-se que 71% eram homens, 11% mulheres e 18% não informados.

Essa é uma informação muito importante e mostra que na verdade, o perigo constante existe quando os homens estão ao volante. Principalmente se estiverem em alta velocidade, embriagados, enfim…É claro que não podemos generalizar, existem homens que dirigem corretamente, respeitando as leis e mulheres que desrespeitam a sinalização, se estressam, etc. É óbvio que algumas características que são próprias de cada gênero devem ser levadas em consideração.

Homens, muitas vezes se arriscam mais, querem ultrapassar limites e superar desafios, e desta forma acabam colocando a própria vida em risco e estão mais sujeitos a se envolver em acidentes. Já as mulheres tem um instinto mais protecionista, de cuidado e por isso se preservam mais. E você o que acha dessa informação? Deixe aqui seu comentário.

Artigos Recomendados Para Você

Deixe um comentário

Campos obrigatórios *