Notícias

Educação

Maio Amarelo: live sobre mudanças no CTB marca abertura do evento em Curitiba 

Maio Amarelo: live sobre mudanças no CTB marca abertura do evento em Curitiba

A live é promovida pela Associação Comercial do Paraná e tem o tema “Maio Amarelo: mudanças no Código de Trânsito Brasileiro”.

Live ACP“Respeito e Responsabilidade: pratique no trânsito” este é o tema do Movimento Maio Amarelo deste ano. A ideia é chamar a atenção da sociedade para reduzir o alto índice de mortos e feridos no trânsito. E também promover um trânsito mais humano, onde é preciso que os motoristas controlem a impaciência e a intolerância quando estão dirigindo.

Para marcar a abertura do evento em Curitiba, a Associação Comercial do Paraná (ACP) promove uma Live com o tema “Maio Amarelo: mudanças no Código de Trânsito Brasileiro”. Participarão do evento Camilo Turmina, presidente da ACP, Antônio Gilberto Deggerone, coordenador do Conselho das Câmaras Setoriais da ACP, Mauro Gil Meger, diretor vice-presidente do ONSV e coordenador da Câmara Setorial de Mobilidade e Trânsito da ACP, além de Celso Alves Mariano, especialista em trânsito e diretor da Tecnodata e Portal do Trânsito.

De acordo com Mariano,  a ACP tem uma atuante Câmara Setorial de Trânsito, da qual o especialista foi um de seus criadores, em 2012.

“Tradicionalmente realizamos no mês de maio ações sintonizadas com a Semana Global das Nações Unidas. Desde o distante mês de maio 2009, em Moscou, durante a Conferência Global da ONU, os esforços da OMS por um trânsito mais humanizado e seguro conquistaram vez e voz. Surgiu o Road Safety in 10 Countries (RS-10) e, em seguida, foi promulgada a primeira Década Mundial de Ação pela segurança no trânsito”, explica.

O especialista também faz um resgate histórico da data no Brasil.

“Por aqui surgiram o PNATRANS e o movimento Maio Amarelo, o que foi um reforço bem-vindo para o Projeto Vida no Trânsito, nossa versão do RS-10. Das 52 semanas do ano, até pouco tempo atrás tínhamos apenas uma semana, a Semana Nacional de Trânsito para ver esse tema ganhar destaque na mídia e na cabeça dos políticos administradores públicos e dos cidadãos mais atentos aos temas sociais relevantes. Então, apesar de que deveríamos falar de trânsito e mobilidade todos os dias, é bom termos um dos 12 meses do ano dedicado ao assunto”, conclui.

Agende-se

O evento acontecerá na quarta-feira (05/05) às 18h, e será transmitido pelo Facebook (clique aqui)  e Youtube da ACP.

O Maio Amarelo

O mês de maio foi escolhido porque no dia 11 de maio de 2011, a ONU decretou a Década de Ação para Segurança no Trânsito, com uma referência mundial para balanço das ações que o mundo inteiro realiza. No Brasil, o movimento Maio Amarelo nasceu em 2014. Por que amarelo? Porque é a cor que sinaliza “atenção” no semáforo.

Segundo a Agência Brasil, durante este mês, monumentos públicos ficarão iluminados com essa cor, à noite. Como os palácios do Itamaraty e do Planalto, em Brasília; o Cristo Redentor, no Rio de Janeiro; e o Monumento às Bandeiras, em São Paulo.

De acordo com o último levantamento do Ministério da Saúde, em 2019 foram quase 32 mil vidas perdidas em acidentes.

Artigos Recomendados Para Você

Deixe uma resposta

Campos obrigatórios *

Trocar a senha

Identifique-se para receber um e-mail com as instruções de nova senha.

[wp_user active='forgot']