Notícias

Mobilidade

Brasília inaugura estações de bicicletas compartilhadas 

Brasília inaugura estações de bicicletas compartilhadas
Foto: Lucio Bernardo Jr/Agência Brasília

O sistema de bicicletas compartilhadas vai funcionar 24 horas por dia. Os usuários que utilizam o bilhete do sistema de transporte para pagar o passe de ônibus poderão ativar o serviço de bikes com o cartão.

Na semana passada, a cidade de Brasília, no Distrito Federal, inaugurou um novo sistema de bicicletas públicas compartilhadas na entrada do Parque da Cidade.

Neste primeiro momento, estarão à disposição dos usuários em 17 estações, 131 bicicletas, todas no Plano Piloto. De acordo com informações da Agência Brasil, a Tembici – empresa que atua em oito cidades brasileiras, além de Buenos Aires, na Argentina e Santiago, no Chile, foi quem venceu a licitação para a execução dos serviços.

Por enquanto os usuários podem, por meio do aplicativo, retirar as bikes nas estações no Shopping Pátio Brasil, no Metrô Galeria, Santuário Dom Bosco, EQS 705/706 W3 Sul, Parque da Cidade, entre outros.

No entanto, o objetivo é expandir o número de estações para 70 contemplando 500 bicicletas e, assim, ampliar o sistema para outras cidades do Distrito Federal. “À medida que as estações forem sendo instaladas e a demanda aumentar, esperamos que o sistema seja expandido para outras cidades”, informou Valter Casimiro, secretário de Transporte e Mobilidade.

Investimento e Segurança

Pensando na segurança dos usuários, o governo local testou todas as bicicletas no início do ano, desde os sistemas de marchas e freios, peso, para-lamas, bagageiros e a oferta dos equipamentos de segurança definidos pelo Conselho Nacional de Trânsito (Contran, assim como o funcionamento das estações, a fim de garantir a retirada das bikes com segurança e praticidade.

O investimento da empresa Tembici é de R$ R$ 10 milhões. A parceria, na opinião de Casimiro, incentiva a mobilidade ativa na capital, gerando qualidade de vida para a população.

“A gente sabe que a população de Brasília gosta de iniciativas como esta. Nesse sentido, a intenção do GDF é que as bicicletas compartilhadas sejam uma realidade permanente”, ressalta.

Funcionamento

O secretário de Transporte e Mobilidade acrescenta, ainda, que, o novo sistema vai funcionar 24 horas por dia. Além disso, os usuários que utilizam o bilhete do sistema de transporte para pagar o passe de ônibus poderão ativar o serviço de bikes com o cartão. “Uma das exigências do edital foi a integração com o bilhete de transporte. Ou seja, quem estiver com o cartão de transporte público pode usá-lo no sistema de bicicletas; facilita para o usuário de transporte coletivo”, garante e finaliza, Valter Casimiro.

Primeiros resultados

Nos primeiros dias de funcionamento foi possível notar boa aceitação do público. Tanto ao comentar sobre o retorno do serviço, como, da mesma forma, do funcionamento e da qualidade das bicicletas.

Segundo dados da Tembici, foram feitos 1.535 cadastros no aplicativo e realizadas 1.364 viagens entre 11 e 15 de outubro. O feriado de 12 de outubro foi o dia mais movimentado, com 758 corridas no total. As estações mais utilizadas até agora foram a do Parque da Cidade, a da 406 Sul e a da 209 Norte.

Artigos Recomendados Para Você

Deixe um comentário

Campos obrigatórios *

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nossos sites, personalizar publicidade e recomendar conteúdo de seu interesse. Ao acessar o Portal do Trânsito, você concorda com o uso dessa tecnologia. Saiba mais em nossa Politica de Privacidade.

Trocar a senha

Identifique-se para receber um e-mail com as instruções de nova senha.

[wp_user active='forgot']