Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nossos sites, personalizar publicidade e recomendar conteúdo de seu interesse. Ao acessar o Portal do Trânsito, você concorda com o uso dessa tecnologia. Saiba mais em nossa Política de Privacidade.

24 de julho de 2024

Carro de cor clara pode ser mais econômico


Por Mariana Czerwonka Publicado 25/10/2011 às 02h00 Atualizado 10/11/2022 às 18h46
Ouvir: 00:00

Todo mundo sabe que usar branco em um dia quente de verão é mais fresco do que usar preto, mas a novidade é que esse mesmo princípio científico também serve para carros. Um estudo da Berkeley Lab Environmental Energy Technologies Division, na Califórnia (EUA), mostrou que a simples escolha da cor do carro pode significar uma economia de até 1,1% na sua conta de combustível.

Segundo a pesquisa, carros de cor mais clara refletem, em média, 60% da luz do sol, e absorvem menos calor. Com isso, o veículo exige menos do ar condicionado para manter o interior fresco. Os mais reflexivos são os brancos e os pratas. Mas, para quem não gosta destas opções, a cor escura ainda não foi descartada. Aquelas que foram feitas com tinta solar reflexivas conseguem manter o interior mais frio do que as tradicionais cores escuras.

Comparação

Os pesquisadores usaram dois carros sedan, um prata e outro preto, que foram expostos ao sol. A temperatura registrada dentro do veículo prata ficou entre 5 º C e 6 ºC menor do que o carro preto. Com isso, o carro prata precisou de 13% a menos da capacidade do ar condicionado para resfriar o ambiente em relação ao outro veículo.

Fonte: Revista Galileu

Receba as mais lidas da semana por e-mail

Comentar

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *