Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nossos sites, personalizar publicidade e recomendar conteúdo de seu interesse. Ao acessar o Portal do Trânsito, você concorda com o uso dessa tecnologia. Saiba mais em nossa Política de Privacidade.

22 de julho de 2024

Excesso de velocidade é uma das principais causas de acidente


Por Mariana Czerwonka Publicado 13/02/2013 às 02h00 Atualizado 08/11/2022 às 23h48
Ouvir: 00:00

Seis pessoas morreram em apenas dois acidentes nas rodovias federais. Segundo a Polícia Rodoviária Federal, a população precisa se conscientizar

Os acidentes no trânsito durante os dias de carnaval mais uma vez confirmam as estatísticas da Polícia Rodoviária Federal (PRF): o excesso de velocidade é uma das principais causas de acidente no trânsito. Segundo a inspetora Flaviana Holanda, os dois acidentes mais graves desse feriado, até a tarde desta terça-feira (12), deixaram seis mortos e ocorreram de forma muito parecida.

“Populares disseram que em ambos os acidentes os veículos estavam em velocidade acima da permitida e, ao fazerem a curva, perderam o controle e colidiram com o veículo que vinha no sentido contrário”, informou a inspetora.

Na segunda-feira (11), duas pessoas morreram em um acidente na rodovia BR-101, no município de Pilar. As vítimas, o ex-vereador pelo município de Viçosa nos anos de 2001 a 2004, José Cláudio Fernandes Cavalcante, 47, e a companheira dele estavam em uma motocicleta que bateu de frente com um caminhão.

O outro acidente ocorreu na sexta-feira (8), na BR 104, próximo ao município de Murici, interior de Alagoas. Um carro e um caminhão se chocaram e quatro jovens, ocupantes do veículo de passeio que seguiam viagem para curtir o carnaval em Caicó, município de Rio Grande do Norte, morreram na hora.

O balanço do número de acidentes e vítimas deste carnaval ainda não foi divulgado pela Polícia Rodoviária Federal. Mas já se sabe que no mesmo período do ano passado morreram três pessoas nas rodovias federais e neste carnaval já são seis mortes.

Mesmo com o aumento da fiscalização, a PRF diz que a imprudência no trânsito não diminuiu. “É preciso que a população se conscientize para evitar esses acidentes”, alertou Mariana.

Fonte: G1 Notícias

Receba as mais lidas da semana por e-mail

Comentar

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *