Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nossos sites, personalizar publicidade e recomendar conteúdo de seu interesse. Ao acessar o Portal do Trânsito, você concorda com o uso dessa tecnologia. Saiba mais em nossa Política de Privacidade.

19 de julho de 2024

Dia Mundial fez um alerta para 1,3 milhão de mortes anuais em acidentes de trânsito

Secretário-geral alerta que além do número de mortes, outros 50 milhões ficam feridos a cada ano nas estradas.


Por Assessoria de Imprensa Publicado 20/11/2023 às 18h00
Ouvir: 00:00
Mortes anuais no trânsito
Todos os anos, a vida de aproximadamente 1,3 milhão de pessoas é interrompida devido a um acidente de trânsito. Foto: Unsplash/Start Digital

Ontem, 19 de novembro, a ONU marcou o Dia Mundial em Memória das Vítimas de Acidentes de Trânsito. Em mensagem sobre a data, o secretário-geral das Nações Unidas, António Guterres, destacou uma “realidade sombria”: a cada ano, são 1,3 milhão de mortes e 50 milhões de feridos em acidentes de trânsito no mundo.

Segurança no trânsito

Para o chefe da ONU, é necessário “fazer mais para evitar essas tragédias totalmente preveníveis”. Guterres adiciona que o Plano Global para a Década de Ação pela Segurança no Trânsito, que está em seu terceiro ano, busca reduzir pela metade as mortes anuais no trânsito.

A iniciativa visa construir capacidades, acelerando a implementação das convenções de segurança viária da ONU, aumentando a conscientização e mobilizando recursos para uma maior segurança no tráfego.

Campanha Global de Segurança Viária contra mortes anuais no trânsito

Neste ano, também houve o lançamento da Campanha Global de Segurança Viária, que deve alcançar 1 mil cidades em 80 países.

O secretário-geral ainda cita que o Fundo de Segurança Viária da ONU está financiando ações em países de baixa e média renda. Ou seja, é nestes países que estão de 90% das vítimas de tráfego.

Conforme ele, a ação urgente permanece imperativa. Por isso, na data, ele faz um apelo a todos os doadores para aumentarem suas contribuições financeiras e técnicas.

“Neste Dia Mundial, vamos unir forças para tornar as estradas mais seguras para todos, em todos os lugares”, conclui.

Receba as mais lidas da semana por e-mail

Comentar

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *