Notícias

Notícias

Em três décadas, mortes no trânsito crescem 115% 

O Instituto Avante Brasil divulgou pesquisa inédita sobre a violência no trânsito no Brasil e a estimativa é preocupante. Apenas durante a Copa do mundo o número de mortes em acidentes de trânsito pode chegar a 5.148 óbitos. Em 2014, o país computará 50.241 mortes no trânsito. De 1980 até hoje já morreram mais de 1 milhão de pessoas. O Instituto em sua pesquisa, “Mortalidade no Trânsito, 31 anos de Mortes no Brasil, 1980-2010”, aponta que nestes anos houve um crescimento de 115% no número de mortes. Com crescimento de 33 na taxa de mortes por 100 mil habitantes.

Comparado com número de homicídios, a média de crescimento anual para este período foi de 2,81%. Nos últimos 10 anos ( de 2001 a 2010), houve um crescimento de 40,3% no número de mortes. E um crescimento de 26,6% na taxa de mortes por 100 habitantes. Neste período a média de crescimento anual de homicídios é de 4,06%. Para a década de 2001 a 2010, o instituto calculou a média de crescimento anual de mortes no trânsito com base oficiais nos dados do Datasus, de 4,06%. As projeções das mortes que podem ocorrer em 2014, o instituto se baseou nesta média da década (2001 a 2010), de 4,06%, por nossa realidade socioeconômica brasileira estar mais próxima deste período.

De acordo com a pesquisa, com esta média de 4,06% de crescimento anual de mortes, foi possível traçar a projeção de mortes até o ano de 2050. O levantamento é feito com cada dado calculado com base no ano anterior, acrescido da média de crescimento anual. “ Portanto, para 2012 temos a estimativa de 46.395 homicídios”.

Fonte: Extra Alagoas

Artigos Recomendados Para Você

Deixe uma resposta

Campos obrigatórios *