Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nossos sites, personalizar publicidade e recomendar conteúdo de seu interesse. Ao acessar o Portal do Trânsito, você concorda com o uso dessa tecnologia. Saiba mais em nossa Política de Privacidade.

21 de julho de 2024

Especialista mostra como é possível evitar ação de criminosos no trânsito


Por Mariana Czerwonka Publicado 15/08/2012 às 03h00 Atualizado 10/11/2022 às 18h45
Ouvir: 00:00

Criminosos se aproveitam de qualquer distração para roubar Um aposentado que mora em Santos, no litoral de São Paulo, teve seu carro roubado enquanto preenchia um cartão de estacionamento, durante o dia, em frente ao Poupatempo. O crime aconteceu há duas semanas. Um especialista em segurança explica como agir para evitar situações como esta. O aposentado Ricardo Casqueiro foi ao Poupatempo para pedir informações e enquanto preenchia o cartão de estacionamento, dentro do carro, foi abordado por um criminoso armado. “Chega naquela pressão. Desce, desce, desce. Eu peguei, desci do carro e dei os documentos para ele. Ele pegou o carro, deu marcha ré e foi para frente sentido Anchieta”. A polícia não está em todos os lugares, e os assaltantes se aproveitam das oportunidades. “O criminoso precisa só de alguns segundos da nossa distração para atuar. Então, ele deve preencher esse cartão no estabelecimento onde comprou. Preencha lá e quando chegar ao veículo, coloque, feche a porta e vai embora. Não podemos deixar a porta aberta para o criminoso”, diz o especialista em segurança Vinícius Ferreira. O especialista diz ainda que para entrar no veículo também é necessário prestar atenção nos detalhes para evitar aborrecimentos. “Eu entro no veículo e tranco a porta. O sistema da porta do carro só tranca depois que eu ligo e alcanço uma velocidade rodada. Então eu não espero isso. Entrou, trancou. Liga o carro e sai. Coloca o cinto na sequencia. Evite ficar aquele minuto ajustando o cinto ou o retrovisor com o veículo parado sendo alvo fácil”. Outro problema é não ter medo e achar que roubos nunca vão acontecer. “Quando começa a ter autoconfiança é que a gente deixa a margem para acontecer algo de ruim com a gente. Então a gente tem que tentar deixar o nosso carro parado sozinho. Com o motorista dentro, e distraído, para ele (assaltante) é muito mais fácil a abordagem e fator surpresa”. O especialista alerta ainda para pertences deixados dentro do carro. Evite deixar objetos de valor, bolsas ou sacolas dentro do veículo. “O bandido olha volume. Ele só rouba o que é visto. Então objetos de valores devem ficar sempre escondidos. No banco de trás, embaixo do banco, dentro do porta-luvas. Tudo que for possível, deixar fora da visão dos bandidos”. E o motorista deve ficar atento também no trânsito. “Se ele (criminoso) olhar um motorista com a janela aberta, porém atento, e ver um com a janela aberta, mas desatento, ele vai nesse desatento. Ele não quer o confronto com a gente, ele quer facilidade”. Além de todas as dicas, que são muito importantes, é sempre bom lembrar também da orientação da Polícia Militar que é nunca reagir quando um bandido se aproxima. Não fazer nenhum movimento brusco, por exemplo, pode evitar que o assaltante atire. Fonte: G1 Notícias

Receba as mais lidas da semana por e-mail

Comentar

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *