Notícias

Notícias

Operação "Festas Seguras 2012" segue até ao dia 1 de Janeiro de 2013 

A Polícia de Segurança Pública informou esta manhã que, desde o passado dia 7 de dezembro e até ao próximo dia 1 de janeiro de 2013, estará em todo o País a promover a operação “Polícia Sempre Presente: Festas Seguras 2012”, este ano com o lema “Junte a nossa Segurança à sua quadra Festiva”. No comunicado, a PSP recorda que “no pretérito ano de 2011, realizou durante os dias 8 de dezembro e o dia 1 de janeiro de 2012, 2.604 operações em todo o País, com uma grande componente por motivos relacionados com trânsito (1.292). Os estabelecimentos de restauração e bebidas continuaram a ter elevado destaque na componente operacional, com 357 operações realizadas em estabelecimentos de diversão noturna”. Em termos de apreensões executadas durante a Operação Nacional Festas Seguras 2011, destacam-se as 66.617 doses de droga apreendidas, 291 viaturas, 33 armas de fogo e mais de uma tonelada de produto explosivo. Foram ainda efetuadas mais de 1000 detenções, tendo sido fiscalizadas 83.795 viaturas e detetadas 13.320 infrações, com especial incidência no excesso de velocidade (4.210 detetados), falta de cinto de segurança (273), uso do telemóvel durante a condução (669), falta de seguro (191) e não utilização da cadeirinha de bebé (64). Comparativamente ao período homólogo de 2010, a PSP destaca que o número de furtos no interior de residências manteve-se, sendo que houve um exponencial aumento de residências vigiadas, nomeadamente 161 em 2010 e 258 em 2011. “A PSP pretende aumentar o número de residências vigiadas através de pedidos presenciais, e volta assim a reforçar que, como medida preventiva, as portas devem ser trancadas e não somente fechadas, pois facilita a entrada com recurso a cartões, radiografias e outros objetos de plástico, independentemente das casas se encontrarem ou não ocupadas”, pode ler-se no comunicado. Nesta operação nacional a PSP pretende incrementar um aumento da visibilidade policial junto às áreas comercias, sistemas de transportes públicos, locais de grande concentração de pessoas (turismo, eventos natalícios, etc), áreas residenciais, estabelecimentos de diversão noturna, artérias onde se verifica aumento do furto no interior de veículos; Ao mesmo tempo, nas principais artérias de entrada e saída dos grandes centros urbanos, fluxo de trânsito em zonas de diversão noturna, fiscalização rodoviária principalmente nas zonas de acumulação de acidentes e pontos negros. “Nesta quadra natalícia dê sinais que está atento, adote medidas preventivas e dificulte a vida daqueles que aproveitam todos os momentos par tornar o seu Natal menos feliz. Não facilite, denuncie e juntos, prevenimos mais”, conclui o comunicado. Fonte: Jornal da Madeira

Artigos Recomendados Para Você

Deixe uma resposta

Campos obrigatórios *