Notícias

Notícias

Saiba como agir quando um animal invade a pista 

O primeiro passo para evitar o atropelamento de um animal que atravesse a pista é tentar reduzir a velocidade. No entanto, observe antes pelo retrovisor se o carro que vem atrás está a uma distância segura.

Para evitar que o animal se assuste, tente ultrapassá-lo por trás, diminuindo assim a velocidade de reação. Evite buzinar ou acender o farol alto para não correr o risco de o animal ir contra a direção do carro.

Durante a ultrapassagem, feche os vidros, passe lentamente pelo animal em marcha reduzida. Depois, alerte alerte os outros carros piscando os faróis e avise o posto policial mais próximo.

Quando o acidente envolvendo um animal de grande porte como um cavalo ou uma vaca não pode ser evitado, a dica é evitar pegá-lo de frente para que ele não voe em direção ao capô. No entanto, quando a via tem mão dupla ou o motorista trafega na pista do meio, deve tomar cuidado para não colidir com outro veículo.

Freie assim que ver o animal e solte o pedal do freio no ato da colisão – caso ela seja inevitável – para que o peso se concentre na parte dianteira do carro, evitando assim que o carro fique desgovernado.

É importante também ficar atento às vias que têm canteiros centrais, como estradas e marginais. Redobre a atenção quando há placas indicando a existência de animais silvestres na região.

Além disso, em qualquer situação, o motorista deve sempre manter uma distância segura do veículo da frente, respeitar os limites de velocidade da via e fazer revisão periódica do veículo, com atenção redobrada às condições de faróis e freios. E sempre use o cinto de segurança.

Animais procuram se aquecer no asfalto

De acordo com o inspetor da Polícia Rodoviária Federal, André Luiz Azevedo, as estatísticas apontam para um aumento de acidentes de carro envolvendo animais nessa época do ano.

“O animal busca o asfalto, que é mais quente do que a mata, e muitas vezes deita no asfalto. Como a maioria das estradas não têm iluminação, cria-se um cenário de perigo. O motorista tem que redobrar a atenção”, alerta ele.

Fonte: G1.com

Artigos Recomendados Para Você

Deixe uma resposta

Campos obrigatórios *

Trocar a senha

Identifique-se para receber um e-mail com as instruções de nova senha.

[wp_user active='forgot']