Notícias

Notícias

Revisão do carro deve ser programada com antecedência 

Revisão do carro deve ser programada com antecedência

Antes de viajar, lembre-se da revisão do carro

O Carnaval está chegando e, com ele, o feriado prolongado de quatro dias. Para aproveitar, os foliões planejam roteiros e despesas para os momentos de lazer sem preocupações. Mas para evitar riscos ou inconvenientes no trajeto de viagem, é importante checar se o automóvel está em ordem e realizar revisão antes de pegar a estrada.

A principal dica é procurar uma oficina com antecedência, pois se houver necessidade de substituir alguma peça, o proprietário não sofrerá com atrasos. De acordo com Werner Rodolpho Neto, gerente da concessionária Savol, a recomendação é agendar a revisão geral com dois dias de antecedência. “Atendemos uma média de 40 carros por dia, com previsão de término do serviço em até uma hora”, aponta o executivo, que mantém nove funcionários na oficina.

Os serviços mais pedidos geralmente são alinhamento e balanceamento, mas o indicado é uma revisão geral. “A segurança do veículo é garantida quando todos os itens estão em pleno funcionamento, como sistema elétrico, condição dos pneus, nível e validade dos fluídos”, destaca Rodolpho Neto, que atenta aos clientes realizar nova revisão a cada 10 mil quilômetros rodados.

Outro problema frequente durante as revisões é a queixa sobre o efeito do carro “sambar” na pista, devido à vida útil dos amortecedores estar chegando ao fim. Nestes casos, optar pelo produto original aumenta a garantia e a durabilidade. “Enquanto o original dura em média 60 mil quilômetros rodados, um amortecedor e molas recondicionadas caem pela metade a vida útil”, afirma o gerente da Savol.

A revisão do veículo antes de viagens longas é uma maneira de prevenir problemas na estrada, o que aumenta o risco de acidentes. Em 2013, a Polícia Militar do Estado de São Paulo registrou 864 ocorrências, com 27 mortes e 445 feridos. Estes dados também estão relacionados com o alto índice de motoristas embriagados e falta de prudência dos motoristas no trânsito.

Fonte: Repórter Diário

Artigos Recomendados Para Você

Deixe uma resposta

Campos obrigatórios *