Notícias

Notícias

Aplicativo é projetado para reduzir congestionamentos 

Mapeamento de smartphones e aplicativos de notícias de trânsito podem ser uma grande ajuda em viagens, mas a próxima geração desses softwares pode ir além de assessorar rotas alternativas para realmente reduzir o congestionamento. A Honda diz ter testado, recentemente, um app que pode adiar o início de um engarrafamento em até seis minutos, enquanto, ao mesmo tempo, melhora a eficiência do combustível de seu carro em 20%. O segredo para melhorar o fluxo do tráfego não está em adicionar pistas em uma rodovia ou refazer uma rampa de saída, mas em ensinar aos motoristas como gerenciar o pedal de freio. Qualquer morador urbano já passou por isso: você está cruzando a rodovia, quando, de repente, o tráfego diminui. Talvez um acidente esteja bloqueando o progresso, ou uma série de carros esteja tentando entrar na interestadual. Cinco minutos mais tarde, quando chegar ao local de maior desaceleração, tudo o que você encontrará será um bando de carros cada vez mais perto um do outro antes de acelerarem e continuarem seu caminho. O problema não era um grande obstáculo ou perigo, e sim muitas pessoas freando ao mesmo tempo. Então você passa pela placa invisível de “PARE” e volta aos 55 quilômetros por hora. É aí que o aplicativo de smartphone da Honda entra. O sistema exibe uma tela ou verde ou azul, visível à primeira vista. Verde significa que sua condução está alinhada com os demais veículos e as chances de congestionamento são baixas. Se o app ficar azul, significa que sua condução está suscetível a criar um engarrafamento, e o app irá guiá-lo para realinhá-la com o fluxo de tráfego ao seu redor. Aplicativos facilitam o trânsito em testes A Honda não especificou como seu aplicativo de smartphone ajuda a deixar sua condução em sincronia com todas as outras. Meu palpite é que ele o aconselha a frear mais lentamente, ou talvez sair de detrás do carro em frente a você. A empresa disse, no entanto, que quando seu app foi testado em Jacarta, na Indonésia, entre setembro de 2012 e fevereiro de 2013, os engarrafamentos foram adiados em uma média de três a quatro minutos e a eficiência do combustível cresceu de 20 para 22%. A empresa testou dois tipos de sistemas durante seu projeto piloto. Em um dos casos, os motoristas foram equipados com um aplicativo de smartphone que julgou padrões atuais de condução. No segundo teste, vários carros foram equipados com aplicativos de smartphones conectados a um servidor. Esses apps podem aprender com o servidor o que outros carros estavam fazendo, em seguida, dar conselhos aos motoristas de como ficar em sincronia com o tráfego. Fonte: Idgnow

Artigos Recomendados Para Você

Deixe um comentário

Campos obrigatórios *

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nossos sites, personalizar publicidade e recomendar conteúdo de seu interesse. Ao acessar o Portal do Trânsito, você concorda com o uso dessa tecnologia. Saiba mais em nossa Politica de Privacidade.

Trocar a senha

Identifique-se para receber um e-mail com as instruções de nova senha.

[wp_user active='forgot']