Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nossos sites, personalizar publicidade e recomendar conteúdo de seu interesse. Ao acessar o Portal do Trânsito, você concorda com o uso dessa tecnologia. Saiba mais em nossa Política de Privacidade.

24 de fevereiro de 2024

Bieleta: peça é fundamental para o bom funcionamento do sistema de suspensão do carro


Por Agência de Conteúdo Publicado 11/09/2022 às 16h30 Atualizado 08/11/2022 às 21h04
 Tempo de leitura estimado: 00:00

A bieleta é uma peça do sistema de suspensão que garante maior estabilidade para o veículo.

Ter o próprio carro deixou de ser sinônimo de luxo para se tornar necessidade para muitas famílias brasileiras. Mas, por mais que esse também seja o objeto de sonho para alguns, o seu preço final não envolve apenas o valor que a pessoa vai gastar para comprá-lo. Existem diversos outros custos que devem ser levados em consideração para definir se ter um carro pode compensar. É o combustível rotineiro, documentação e manutenção do veículo.
O último fator pode ser um pouco mais complicado, já que um automóvel possui uma ampla mecânica. Na suspensão, por exemplo, tem um conjunto de peças que duram mais tempo, enquanto outras precisam de mais atenção. A bieleta é um componente que deve ser observado com uma rotina maior.

Função da bieleta

Sua função é fazer a conexão entre a suspensão e a barra estabilizadora. As bieletas recebem os impactos, as vibrações e todas as forças que atuam no carro. Além disso, são responsáveis por melhorar a dirigibilidade, garantindo uma maior estabilidade ao veículo. Por isso, é preciso manter o seu bom funcionamento, porque, se quebrar, pode colocar a vida dos ocupantes em risco.

É importante destacar que não existe uma quilometragem para a durabilidade das bieletas, como é o caso da manutenção de óleo, por exemplo. Os desgastes dessas peças em específico dependem do uso. Então, é preciso ficar atento aos sinais sonoros, porque, se fizer algum barulho estranho como rangidos, estalos e sons de metal, pode ser que esteja na hora de comprar uma peça nova.

Os alertas sonoros também podem surgir quando há falta de lubrificação da bieleta. Isso pode ser identificado durante uma manutenção preventiva ou revisão do sistema de suspensão.
Apesar de ser muito comum, existem alguns carros que não têm a barra estabilizadora dianteira e, por isso, não têm as bieletas. Normalmente, são veículos mais simples e com versões de entrada.

Cuidados para trocar

Por se tratar de um componente mais simples da suspensão, o preço não é caro, e a troca da bieleta é feita rapidamente. Mesmo assim, é preciso ter alguns cuidados na hora de comprar, pois existem diversos modelos e marcas. Colocar um produto errado ou de baixa qualidade pode comprometer outros sistemas do veículo. Além disso, o ideal é procurar especialistas em engenharia mecânica para garantir a melhor mão de obra possível. Buscando a peça correta e um bom profissional, a saúde do seu carro se manterá por um bom tempo.

Receba as mais lidas da semana por e-mail

Comentar

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *