Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nossos sites, personalizar publicidade e recomendar conteúdo de seu interesse. Ao acessar o Portal do Trânsito, você concorda com o uso dessa tecnologia. Saiba mais em nossa Política de Privacidade.

15 de julho de 2024

Após uma semana, Estrada da Graciosa é liberada novamente, mas parcialmente


Por Banda B Publicado 11/01/2023 às 10h08 Atualizado 16/03/2023 às 15h43
Ouvir: 00:00

A Estrada da Graciosa, a PR-410, foi liberada às 7h desta quarta-feira (11) pelo Departamento de Estradas de Rodagem do Paraná (DER-PR). A liberação foi possível após a implantação da sinalização provisória e de barreiras de concreto New Jersey no km 11. A rodovia tinha sido bloqueada na semana passada, por conta de deslizamentos de terra.

Foto: DER-PR/Divulgação.

Os dispositivos vão orientar o tráfego de veículos e proteger os usuários nos locais em que o talude foi danificado por escorregamento de terra devido às chuvas da semana passada, especificamente no km 11+200 e na curva do km 11+600.

O trecho permanece monitorado pelo DER-PR, enquanto são providenciados os serviços de recuperação. Condições climáticas desfavoráveis podem levar ao bloqueio total da pista novamente, como forma de garantir a segurança dos usuários.

A recomendação é que o condutor siga com extrema cautela nesses locais, em velocidade reduzida, respeitando a sinalização. E que em períodos de chuva, utilizem a rodovia somente em caso de grande necessidade, devido aos riscos de novos escorregamentos de terra.

Foto: DER-PR/Divulgação.

Obra de recuperação

Atualmente, estão em execução os serviços de reforço e reparo da cortina atirantada que se rompeu no km 7 da rodovia, e já foram iniciados os serviços no talude do km 8, ambos atingidos pelas chuvas no final do ano passado.

Bloqueio

Após a liberação parcial do tráfego nesta quarta-feira, o trecho continuará sendo bloqueado após as 18h até as 7h da manhã do dia seguinte, enquanto durar a obra, visando garantir a segurança do usuário. Parte do trecho terá sistema pare-e-siga.

Publicado primeiro por

Receba as mais lidas da semana por e-mail

Comentar

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *