Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nossos sites, personalizar publicidade e recomendar conteúdo de seu interesse. Ao acessar o Portal do Trânsito, você concorda com o uso dessa tecnologia. Saiba mais em nossa Política de Privacidade.

18 de julho de 2024

Carro capota no Contorno Norte e vítimas esperam por socorro, que não vem: ‘Ninguém veio’


Por Banda B Publicado 20/04/2023 às 09h44
Ouvir: 00:00

Pelo menos duas pessoas ficaram feridas num capotamento no Contorno Norte, a PR-418, na manhã desta quinta-feira (20). O acidente, que envolveu um Mobi e um Gol, aconteceu por volta das 7h30, e até por volta das 9h30 nenhum dos acionamentos dos envolvidos chegou ao local: nem polícia, muito menos socorro.

Foto: Eliandro Santana/Banda B.

Com o impacto da colisão, o Mobi chegou a capotar duas vezes e parou com as rodas para cima. No carro estavam Bárbara Cristine Oliveira, a passageira, e o marido.

Bárbara contou que o acidente aconteceu no momento em que o marido dela, o motorista, fazia o retorno para entrar em Santa Felicidade.

“Estávamos na nossa mão, tranquilamente, o outro motorista não viu e bateu, o carro capotou duas vezes. Ele passou direto achando que ia dar tempo de ele passar e a gente entrar, pegou do meio para a roda traseira”. 

contou Bárbara, passageira do Mobi

Após o acidente, o marido de Bárbara conseguiu sair do carro sozinho, mas ela precisou se ajuda de um grupo que chegou ao local e tinha experiência com primeiros socorros.

“Tivemos ferimentos nas mãos, escoriações. Eu tinha um caco de vidro no olho, mas consegui tirar. Ele [o marido], no desespero, tirou o cinto e conseguiu sair. Eu não saí de jeito nenhum, aí uma equipe que sabia fazer os primeiros socorros me ajudaram a sair do carro, mas eu não queria sair enquanto não tivesse alguém experiente”.

detalhou Bárbara, passageira do Mobi

O casal teve que agir sozinho e contar com ajuda de quem passou pelo local, porque nenhum dos acionamentos resultou em socorro. Nem a polícia chegou ao local.

“O acidente foi às 7h30 e ninguém veio. Ligamos para a polícia, não veio. Ligamos para o Samu, para o socorro, não veio”.

desabafou Bárbara, passageira do Mobi

Reportagem em atualização.

Foto: Eliandro Santana/Banda B.

Publicado primeiro por

Receba as mais lidas da semana por e-mail

Comentar

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *