Notícias

Notícias

Carro da Google terá de usar volante, acelerador e freio 

Carro da Google terá de usar volante, acelerador e freio

Carro autônomo GoogleO Departamento de Trânsito da Califórnia exige que os carros autônomos tenham dispositivos que permitam ao motorista assumir o controle

O Departamento de Trânsito da Califórnia (DMV) está pisando no freio das pretensões das empresas de internet de ter um futuro totalmente robotizado para os carros. O DMV está exigindo que todos os carros autônomos incluam dispositivos que permitam total controle humano nos testes. Ou seja, que incluam um volante de direção, freios, acelerador e todos os requisitos convencionais de um veículo.

Isso quer dizer que a Google terá de modificar o projeto do seu mais recente carro autônomo, que foi demonstrado recentemente com um design sem volante de direção, pedal de freio ou pedal do acelerador. A Google disse em entrevista ao The Wall Street Journal que vai seguir os requisitos do DMV e incluir um volante e pedais na sua frota de protótipos.

Sem volante não pode

Os carros autônomos originais da Google eram inicialmente carros tradicionais modificados para funcionar de forma autônoma mas conservavam os recursos originais. Em maio a empresa anunciou um novo protótipo com seu próprio projeto de design que lembra um Smart com espaço para levar dois passageiros e nada mais e que pode andar a até 40 quilômetros por hora. A idéia é testar o veículo nos próximos dois anos.

Na apresentação, a Google disse que tinha projetado o novo veículo para explorar como um carro autonômo poderia ser. “Eles não têm volante de direção, pedal de acelerador ou pedal de freio porque não precisam deles”, escreveu a companhia num post em seu blog. “Nossos softwares e sensores vão fazer todo o trabalho”.

O DMV da Califórnia não pensa da mesma forma tão confiante. Novas regras exigem que carros autônomos só poderão circular pelas ruas e estradas públicas se o motorista do teste estiver “ou no controle imediato do veículo ou monitorando ativamente a operação do veículo e capaz de assumir o controle físico a qualquer momento” .

Não ficou claro se o DMV vai exigir que os veículos disponíveis para o público também tenham o volante de direção e os pedais físicos, mas o departamento vai ter um bom tempo para se decidir. Os protótipos da Google não vão circular em público tão cedo e a empresa ainda não anunciou seus planos de comercialização da tecnologia.

Fonte: IDG Now

Artigos Recomendados Para Você

Deixe uma resposta

Campos obrigatórios *