Notícias

Notícias

Evento comprova sucesso de programa educacional em AL 

Evento comprova sucesso de programa educacional em AL

Programa educacional AlagoasO evento foi realizado no Auditório da sede do DETRAN/AL, em Maceió, no último dia 4

O evento fez parte do Programa Educando Jovens para o Trânsito, promovido pelo Departamento Estadual de Trânsito de Alagoas (Detran/AL) em parceria com a Secretaria de Estado da Educação e do Esporte (SEE).  O encontro teve como objetivo reunir professores e alunos para que pudessem mostrar as suas produções, baseadas no Programa, ao longo do ano letivo de 2014.

“A adesão das escolas foi surpreendente, pois muitas trouxeram seus alunos de locais distantes da capital para apresentar o trabalho realizado. Os trabalhos escritos, cartazes, maquetes e até um circuito de trânsito ficaram expostos para que todos pudessem conhecer”, conta Eliane Pietsak, pedagoga, representante da Tecnodata Educacional, empresa responsável pelo material didático, capacitação dos professores e acompanhamento pedagógico do Programa.

No evento aconteceram diversas apresentações de teatro com simulações de acidentes, atendimento de vítimas de trânsito, teatro de fantoches, paródias, apresentações em power point e até um rap de autoria dos próprios alunos. “O resultado foi bastante positivo, principalmente pelo comprometimento dos professores e alunos. Esse empenho foi significativo para o sucesso do Programa”, diz a Professora Marinalda Campos, Superintendente Regional de Educação.

O encontro contou com a participação de mais de 300 pessoas, entre alunos, professores, Coordenadores, Diretores de Escolas, Coordenadoras da Secretaria de Estado da Educação, Técnicos representantes das Unidades de Apoio Pedagógico das CREs (Coordenadorias Regionais de Educação), Polícia Rodoviária Federal, Técnicos do DETRAN/AL, além dos representantes da Tecnodata Educacional, Celso Alves Mariano e Eliane Pietsak.

Segundo Walkiria Amorim, Coordenadora de Educação para o Trânsito do DETRAN/AL, a ideia de trabalhar educação como cidadania através de valores, é uma concepção nova.  “A responsabilidade do grupo que está à frente desse projeto é enorme em relação ao tamanho do problema. O ranking da violência do trânsito é assustador e os jovens estão no topo deste ranking, por isso a prevenção de acidentes envolvendo esse perfil é o nosso objetivo principal”.

“É muito importante que o Programa continue sendo aplicado nas escolas para que possamos alterar o quadro trágico de acidentes envolvendo jovens em todo o Brasil”, complementou Pietsak.

Para os professores, o acompanhamento pedagógico foi fundamental para que escola, professores e alunos desenvolvessem esse excelente trabalho. “Confesso que, no início, fui resistente à ideia. Parecia não ser possível assumir mais esta tarefa, que seria penoso e complicado. Os alunos me mostraram que não. Está sendo muito prazeroso e compensador”, afirma a Professora Geralúcia da Silva Abreu Honorato, da Escola Estadual Costa Rêgo, do município de Arapiraca.

Para o Professor José Edson Cavalcante da Silva, da Escola Estadual Rui Palmeira do município de Arapiraca, não houve sobrecarga ou dificuldade. “Aprendi com os alunos e descobri novas formas de ensinar matemática”, conclui.

O Programa

Denominado “Educando Jovens Para o Trânsito”, o programa aborda a temática de forma transversal e multidisciplinar nas escolas da rede pública e particular dos municípios com maior índice de acidentes e mortes decorrentes de acidentes de trânsito do Estado.

Mais de 550 professores foram capacitados, 97 escolas atendidas e em torno de 50.000 alunos envolvidos durante o decorrer do ano letivo de 2014.

Para Celso Alves Mariano, especialista em trânsito e diretor da Tecnodata Educacional, o maior objetivo da empresa é fornecer uma ferramenta simples e eficaz, que conquiste alunos e professores e efetivamente contribua para diminuir o número de jovens que perdem a vida no trânsito.  “Nossa aposta é que eles percebam os riscos, reflitam e se tornem cidadãos socialmente responsáveis em todas as áreas da vida, especialmente no trânsito. Toda esta energia, entusiasmo e comprometimento que estamos vendo em Alagoas é a prova concreta que levar a educação de trânsito para as escolas não só é possível, como é muito desejada, por alunos e professores”, finaliza.

Apesar da educação para o trânsito nas escolas estar prevista no Código de Trânsito Brasileiro, em seu Art. 76, neste ano de 2014 somente os DETRANs de três estados desenvolveram grandes projetos em parceria com as Secretarias de Educação: Paraná, Espírito Santo e Alagoas.

Artigos Recomendados Para Você

Deixe uma resposta

Campos obrigatórios *

Trocar a senha

Identifique-se para receber um e-mail com as instruções de nova senha.

[wp_user active='forgot']