Notícias

Notícias

Farol baixo é principal dica para dirigir na neblina 

Nesta época do ano, cuidado com a neblina. É quando o dia amanhece que a neblina mais atrapalha. “A gente não enxerga direito, é muita curva”, conta o caminhoneiro Carlos Alberto dos Santos. A neblina é o resultado do contato do ar quente e úmido com o solo, que forma uma espécie de vapor, muito comum nesta época do ano, principalmente nas regiões de serra. Em alguns pontos, a neblina é tão intensa que os carros praticamente desaparecem. “Em tempo de neblina a gente tem de estar muito atento”, diz a caminhoneira Lia Azevedo. Quem está sempre na estrada já passou pelo menos uma vez por uma situação perigosa. “Uma vez fiquei de frente com outro caminhão que fazia uma ultrapassagem em uma reta encoberta pela neblina”, lembra o caminhoneiro Carlos Alberto. O instrutor de trânsito Marcelo Dias passou pelas estradas do sul de Minas Gerais e disse que o primeiro cuidado básico é com o farol. “Não utilizar a lanterna e nem usar a luz alta”, alerta Marcelo. O ideal é manter uma distância do carro da frente de cerca de 80 metros. Outra dica importante é evitar ao máximo parar no acostamento. Se o carro apresentar qualquer tipo de problema, o ideal é seguir, mesmo que devagar, até um ponto onde a visibilidade esteja melhor. O motorista não deve ligar o pisca-alerta com o carro em movimento. Isso confunde os outros motoristas, que podem tentar desviar e provocar um acidente. Fonte: Bom Dia Brasil

Artigos Recomendados Para Você

Deixe uma resposta

Campos obrigatórios *