Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nossos sites, personalizar publicidade e recomendar conteúdo de seu interesse. Ao acessar o Portal do Trânsito, você concorda com o uso dessa tecnologia. Saiba mais em nossa Política de Privacidade.

15 de julho de 2024

IPVA atrasado pode resultar em remoção do veículo

Condutor pode ser inserido na Dívida Ativa dependendo do tempo de atraso.


Por Assessoria de Imprensa Publicado 30/12/2023 às 18h00
Ouvir: 00:00

Nessa época do ano muitos se preparam para viajar, aproveitar as férias e as festividades de final de ano fora de seu domicílio. Porém, se o IPVA não estiver regularizado, essa viagem de moto ou carro pode ter alguns riscos. Isso porquê conduzir o veículo com o IPVA atrasado impossibilita o Licenciamento. Em consequência, transitar com licenciamento vencido é infração gravíssima e multa de R$293,47.

Em meio a essa situação, o que o motorista pode fazer sem estourar o orçamento, já que não é mais possível aproveitar o desconto da parcela única oferecido anteriormente e nem o parcelamento oferecido por alguns Detrans?

Uma das opções é consultar todos os valores em aberto, seja com documentação e multas, e fazer um parcelamento junto as empresas que oferecem esse serviço, como é o caso da Zignet.

“Na instituição de pagamentos, seja pelo site ou pelo aplicativo ZigAuto, o usuário pode optar por um parcelamento em até 12 vezes no cartão de crédito”, afirma a empresa.

E se veículo estiver com mais de um IPVA atrasado?

Nesse caso, pode ser que o proprietário esteja inserido na Dívida Ativa. O recomendado é que o condutor acesse o site da Secretaria da Fazenda o estado no qual o veículo está cadastrado para confirmar.

Havendo a confirmação, basta imprimir o boleto e quitar. No site da Zignet, na aba parcelamento de boletos, também é possível dividir esse valor. Assim o condutor regulariza a situação do carro ou moto e não estoura o orçamento.

Ter o nome inscrito na Dívida Ativa do Estado implica em algumas consequências, como a dificuldade de obter financiamentos e prestar concursos públicos.

Lembre-se de sempre manter a documentação regularizada, assim como a CNH. E antes de viajar faça uma revisão no veículo.

Receba as mais lidas da semana por e-mail

Comentar

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *