Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nossos sites, personalizar publicidade e recomendar conteúdo de seu interesse. Ao acessar o Portal do Trânsito, você concorda com o uso dessa tecnologia. Saiba mais em nossa Política de Privacidade.

17 de julho de 2024

Projeto exige alerta sonoro em semáforo próximo a serviço de reabilitação


Por Mariana Czerwonka Publicado 12/03/2013 às 03h00 Atualizado 08/11/2022 às 23h45
Ouvir: 00:00

A Câmara analisa o Projeto de Lei 4814/12, da deputada Mara Gabrilli (PSDB-SP), que torna obrigatória a existência de semáforo com dispositivo sonoro nas vias públicas que deem acesso a serviços de reabilitação. O objetivo principal da medida é facilitar a travessia de pessoas com deficiência visual.

“Privar o pedestre com deficiência visual da informação sonora dos semáforos equipara-se a privá-lo do próprio direito de ir e vir, tal como a falta de guia rebaixada para um cadeirante”, diz a deputada.

O projeto altera a lei que trata das normas gerais e critérios básicos para a promoção da acessibilidade das pessoas com deficiência ou com mobilidade reduzida (Lei 10.098/00). Atualmente, essa lei já exige semáforos com dispositivo sonoro nas vias de grande circulação.

Mara Gabrilli afirma, no entanto, que o Poder Público também precisa facilitar o acesso das pessoas com deficiência aos serviços de reabilitação, “como medida última para garantir o mínimo de dignidade, autonomia, socialização e segurança dessas pessoas”.

Tramitação

A proposta tramita em conjunto com o PL 7699/06, que cria o Estatuto da Pessoa com Deficiência e aguarda inclusão na pauta no Plenário.

Com informações da Agência Câmara

Receba as mais lidas da semana por e-mail

Comentar

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *