Notícias

Notícias

Governo baiano propõe aumento de taxas no trânsito em até 309% 

Os deputados estaduais da base aliada ao governador Jaques Wagner aprovaram ontem um requerimento de urgência para a votação de um projeto de lei (PL 20.060) que cria dezenas de taxas e aumenta outras existentes em percentual bem acima da inflação.

Os serviços mais impactados foram os relacionados a permissões para dirigir, licenciamento de veículos, selagem de placas e emissão de documentos por parte do Detran. Também foram criadas taxas relacionadas a serviços de transportes hidroviários e do setor agropecuário.

O PL, que aumenta algumas taxas em mais de 300%, deverá ser votado já na semana que vem. Entre as taxas que mais aumentaram estão a emissão de segunda via de documentos como o Certificado de Registro e Licenciamento de Veículos (CRLV) e o Certificado de Registro de Veículos (CRV).

Em caso de extravio, a emissão dos documentos, que custa hoje R$ 14,90, passará a custar R$ 61 no ano que vem, caso o projeto seja aprovado. Outro serviço obrigatório, a selagem de placas poderá aumentar 183%, passando dos atuais R$ 8,10 para R$ 23.

“A população baiana, já maltratada com tantos impostos, não merece esse aumento, bem acima da inflação”, criticou o deputado Paulo Azi (DEM), líder da oposição. Procurado pelo CORREIO, o vice-governador Otto Alencar disse desconhecer o projeto de lei.

O CORREIO também contatou a assessoria de comunicação do governo, que não indicou uma fonte para falar sobre o assunto. Os deputados Zé Neto (PT) e Paulo Rangel (PT) foram procurados, mas não atenderam às ligações da reportagem.

Fonte: Correio da Bahia


Artigos Recomendados Para Você

Deixe uma resposta

Campos obrigatórios *

Trocar a senha

Identifique-se para receber um e-mail com as instruções de nova senha.

[wp_user active='forgot']