Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nossos sites, personalizar publicidade e recomendar conteúdo de seu interesse. Ao acessar o Portal do Trânsito, você concorda com o uso dessa tecnologia. Saiba mais em nossa Política de Privacidade.

Preço médio de carro elétrico dispara 19,7% em fevereiro com chegada de modelos de luxo, mostra pesquisa da ACREFI

O fato foi impulsionado pela chegada de carros elétricos de marcas de luxo e alto valor.


Por Assessoria de Imprensa Publicado 07/04/2024 às 18h00
 Tempo de leitura estimado: 00:00
Preço carros elétricos
O aumento do preço do carro elétrico foi impulsionado pela chegada de marcas de luxo e alto valor. Foto: kasto para Depositphotos

O preço médio do carro elétrico 0km registrou uma forte alta de 19,7% em fevereiro de 2024 em relação ao mês anterior. O fato foi impulsionado pela chegada de carros elétricos de marcas de luxo e alto valor. Com isso, o segmento retomou o posto de mais caro, considerando a média simples de preços praticados para modelos novos.

Os dados são do 5º Relatório AutoAcrefi , realizado pela Associação Nacional das Instituições de Crédito, Financiamento e Investimento (ACREFI), em parceria com a Cox Automotive. O estudo faz um mapeamento mensal com informações relevantes para a indústria automotiva e toda a cadeia do setor de veículos sobre o contexto atual e futuro próximo.

“Iniciamos 2024 com uma expectativa de alta de preços de híbridos e elétricos devido ao retorno da cobrança do Imposto de Importação. A chegada dos carros elétricos de luxo ao mercado brasileiro contribuiu para essa tendência, impactando diretamente o preço médio dos veículos elétricos novos”, diz Filipe Pena, diretor executivo da ACREFI.

De acordo com os dados da pesquisa, o preço médio dos veículos híbridos, que subiu 3,49% em janeiro, teve uma leve queda de -0,58% em fevereiro, nas comparações mensais. Por outro lado, os modelos a combustão registraram um aumento de 2,24% de janeiro para fevereiro deste ano.

Pena reforça que, com a redução da Selic, as perspectivas são positivas também para quedas na taxa de juros para financiamento automotivo.

“Além disso, também o novo Marco Legal das Garantias, sancionado em outubro de 2023, que estabelece a retomada do bem de forma extrajudicial quando o consumidor está inadimplente. Esse processo é mais rápido e eficiente, melhorando as garantias e impulsionando o mercado de crédito”, diz.

A pesquisa também analisou o preço dos veículos zero quilômetro de janeiro de 2021 até fevereiro de 2024. Nesse período, os modelos elétricos apresentaram uma queda de -10%, enquanto os carros híbridos registraram um aumento de 8%. Os modelos a combustão também experimentaram um crescimento considerável, com um aumento de 31%, representando um aumento de 2 pontos percentuais em relação a janeiro. É importante ressaltar que esses dados se apresentam em um contexto de inflação acumulada de 23,33%. 

Pesquisa

Receba as mais lidas da semana por e-mail

Comentar

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *