Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nossos sites, personalizar publicidade e recomendar conteúdo de seu interesse. Ao acessar o Portal do Trânsito, você concorda com o uso dessa tecnologia. Saiba mais em nossa Política de Privacidade.

25 de julho de 2024

Segurança: 99 reduz 34% de incidentes graves com inteligência artificial e verificação de usuários

A empresa constatou uma redução de 34%, por milhão de corridas, de incidentes graves no primeiro semestre do ano.


Por Pauline Machado Publicado 16/10/2023 às 15h00
Ouvir: 00:00

Com o objetivo de aprimorar ainda mais a experiência dos usuários e a segurança na plataforma, a 99 está investindo R$40 milhões nessas áreas em 2023.

A empresa constatou uma redução de 34%, por milhão de corridas, de incidentes graves no primeiro semestre do ano, em comparação com o mesmo período de 2022, em todo o Brasil. De acordo com o levantamento feito, os principais fatores apontados para a redução de ocorrências são a utilização de recursos de inteligência artificial e a verificação de usuários. 

Queda nas ocorrências

No estado de São Paulo, foi registrada uma queda de 37%, por milhão de corridas, de incidentes graves no primeiro semestre de 2023 (janeiro a junho), em comparação ao mesmo período de 2022. A capital paulista teve 38% menos incidentes violentos no geral.

No estado do Rio de Janeiro, a quantidade geral de incidentes graves também apresentou diminuição, com queda de 37,5% no primeiro semestre deste ano, em comparação ao mesmo período de 2022, por milhão de corridas. A cidade registrou 38% menos incidentes violentos no geral.

Em Minas Gerais, o aplicativo identificou baixa de 36,3% nos incidentes graves na comparação dos primeiros semestres de 2022 e 2023, por milhão de corridas. Sendo Belo Horizonte a que teve 40% menos incidentes violentos no geral.

O Rio Grande do Sul apresentou uma redução de 30,8% de incidentes graves. Em Porto Alegre, essa queda foi de 30,1% em comparação ao primeiro semestre de 2022. A capital Porto Alegre teve 30% menos incidentes violentos no geral.

Diante dos números, Leandro Abecassis, Diretor de Produto e Experiência da 99, ressalta que para a 99, segurança é um compromisso ininterrupto que nunca está concluído. “O resultado desse compromisso pode ser percebido nos números da empresa: hoje, mais de 99,99% das corridas realizadas na plataforma se encerram em segurança”.

Inteligência Artificial

A companhia informa, ainda, que, atualmente, disponibiliza mais de 50 recursos de segurança para seus serviços de transporte por carro e motocicleta. Entre os destaques estão uma série de Inteligências Artificiais que atuam conjuntamente – antes, durante e depois das corridas.

Uma delas é o Monitoramento de Corridas, um algoritmo que detecta automaticamente paradas longas ou trajetos com tempo acima do previsto em corridas do aplicativo. Além disso, toma medidas de segurança adicionais nesses casos. Uma das ações possíveis é o envio do Patrulha 99. O recurso disponível em São Paulo e no Rio envia equipes especializadas em motocicletas ou carros para prestar apoio presencial para parceiros e passageiros em caso de emergência.

Outro recurso de inteligência artificial que a companhia destaca é a Hércules. Ele verifica padrões de comportamento em chamadas suspeitas, analisando fatores como horário e duração da viagem, bem como histórico dos usuários.

´”Por exemplo, passageiros novos solicitando veículos de madrugada, em áreas isoladas e que estão repetidamente chamando, cancelando e alterando a rota”, ilustra.

Verificação dos usuários

A verificação de motoristas e passageiros na plataforma também contribuiu para a queda nos índices de incidentes graves. Para os motoristas, é obrigatório a verificação de CNH e CRLV, reconhecimento facial e checagem de antecedentes criminais. Já os passageiros devem incluir obrigatoriamente CPF ou cartão de crédito antes da primeira corrida.

O Selo de Verificação99 é um lançamento recente no campo da validação. Com ele, usuários com mais informações na plataforma passarão a receber classificações de acordo com a quantidade de validações realizadas.

Serão dois tipos: o selo Essencial, para usuários que queiram inserir o nome exato que possui no CPF, e o selo Premium  para aqueles que quiserem incluir nome igual ao do CPF e mais uma foto de rosto. O objetivo é melhorar ainda mais a segurança dos condutores e a experiência na plataforma. Isso porque os motoristas parceiros tendem a aceitar mais viagens de passageiros com perfis mais completos.

Por fim, a 99 informa, ainda que pessoas que utilizam o nome social poderão solicitar no app o selo. O pedido será analisado pela equipe da 99 e o perfil será atualizado.

Receba as mais lidas da semana por e-mail

Comentar

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *