Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nossos sites, personalizar publicidade e recomendar conteúdo de seu interesse. Ao acessar o Portal do Trânsito, você concorda com o uso dessa tecnologia. Saiba mais em nossa Política de Privacidade.

20 de julho de 2024

Blindagem automotiva: 6 cuidados essenciais com a proteção balística do seu carro

Especialista orienta sobre as práticas fundamentais para garantir a eficácia e a durabilidade da blindagem automotiva.


Por Assessoria de Imprensa Publicado 22/06/2024 às 15h00
Ouvir: 00:00
blindagem automotiva
Os cuidados com a blindagem automotiva incluem manutenções preventivas com frequência pré-determinada. Foto: Divulgação.

O Brasil tem a maior frota de carros blindados do mundo, com mais de 340 mil veículos registrados na base civil referente à proteção balística. Apenas em 2023, quase 30 mil automóveis passaram por processo de blindagem automobilística, um aumento de 13% em relação ao ano anterior, de acordo com dados da Associação Brasileira de Blindagem (Abrablin).

Os números indicam a preocupação com a segurança pessoal, que envolve não apenas adquirir um carro blindado, mas manter a proteção balística em perfeitas condições para garantir sua eficácia em caso de necessidade.

De acordo com o especialista em blindagem automotiva de alta performance da blindadora Allblin, Gabriel Barboza, os cuidados com o veículo blindado incluem manutenções preventivas com frequência pré-determinada.

“Para manter a garantia e a vida útil da blindagem, o veículo tem que passar pelas revisões periódicas que constam no manual da blindadora”, ressalta o profissional que atua também na gestão comercial e na carteira corporativa da Allblin, empresa especialista em blindagens premium.

Confira, a seguir, seis cuidados essenciais que todo proprietário de carro blindado deve adotar a fim de não comprometer a vida útil da blindagem automotiva:

  1. PORTAS

Nunca feche a porta com os vidros abaixados, pois isso poderá causar sua rachadura e/ou quebra.

  1. PARA-BRISA

Evite colocar GPS ou equipamentos com ventosa nos vidros. A ventosa faz pressão podendo marcar permanentemente o vidro blindado.

  1. LIMPEZA

É importante remover a sujeira dos vidros e canaletas internas com pano limpo e úmido, lembrando sempre de não utilizar produtos químicos como thinner, querosene, álcool etc.

  1. ACIONAMENTO DOS VIDROS

O acionamento dos vidros deve ser feito somente com o motor do carro ligado para não sobrecarregar o sistema elétrico, evitando danos ao motor da máquina das janelas.

  1. ADESIVOS x VIDROS

É recomendado não aplicar nenhum tipo de material sobre os vidros de blindados e manter sempre objetos como anéis, canetas e outros que possam vir a ter contato com os vidros em seus devidos compartimentos, nunca em cima do painel, pois podem causar riscos ou marcas.

  1. PORTA-MALAS

O aumento no peso da tampa traseira em decorrência da blindagem, pode afetar os amortecedores originais da tampa traseira, por isso evite o fechamento brusco, pois ele pode ocasionar a quebra do vidro.

Além dessas dicas essenciais, é importante também que os proprietários de blindados evitem deixar os veículos no sol, não exponham os automóveis a choques de temperatura e realizem revisões periódicas, seguindo as indicações de suas blindadoras de confiança.

As manutenções de veículos blindados envolvem: funilaria especializada e pintura; substituição de vidros laminados; aumento de potência de máquinas de vidros; troca de amortecedores de portas e porta-malas; tratamento contra infiltrações; instalação de insulfilm próprio para blindados; recuperação e pintura de rodas de liga e manutenção de travas elétricas.

Receba as mais lidas da semana por e-mail

Comentar

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *