Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nossos sites, personalizar publicidade e recomendar conteúdo de seu interesse. Ao acessar o Portal do Trânsito, você concorda com o uso dessa tecnologia. Saiba mais em nossa Política de Privacidade.

16 de julho de 2024

Federação pede prioridade de vacinação para instrutores de trânsito


Por Mariana Czerwonka Publicado 04/06/2021 às 11h12 Atualizado 08/11/2022 às 21h28
Ouvir: 00:00

A Feneauto pede que o Ministério da Saúde reconheça instrutores de trânsito e diretores de CFCs como trabalhadores da educação.

Vacinação instrutoresFeneauto reitera solicitação de vacinação dos instrutores e diretores de Autoescolas/CFCs — Foto: Ivanildo Porto.

A Federação Nacional das Autoescolas e Centros de Formação de Condutores (Feneauto) protocolou um ofício no início da semana, junto ao Ministério da Saúde e ao Departamento Nacional de Trânsito (Denatran), reiterando a solicitação para que o Governo Federal reconheça os instrutores de trânsito além de diretores de Centros de Formação de Condutores (CFCs) – Geral e de Ensino- como trabalhadores da educação.

Dessa forma, determinando a inclusão desses profissionais na categoria de grupo prioritário (trabalhadores educacionais). E assim, permitindo sua vacinação juntamente com os demais profissionais da mesma área de atuação.

De acordo com a Feneauto, a expectativa é para que, com essa sinalização do Governo Federal, os Sindicatos Estaduais possam fazer gestão junto aos governos de seus respectivos estados para a imediata imunização dos instrutores e diretores do setor.

Vacina Covid-19

A expectativa para o mês de junho, segundo o Ministério da Saúde, é distribuir 40 milhões de doses de imunizantes em todo Brasil. Em maio, foram entregues a estados e municípios 33 milhões de doses das vacinas.

O Ministério da Saúde disse ainda que 600 milhões de doses de vacinas covid-19 já foram encomendadas. A maior parte dos imunizantes deve chegar até o fim do ano.

Receba as mais lidas da semana por e-mail

Comentar

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *