Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nossos sites, personalizar publicidade e recomendar conteúdo de seu interesse. Ao acessar o Portal do Trânsito, você concorda com o uso dessa tecnologia. Saiba mais em nossa Política de Privacidade.

23 de fevereiro de 2024

Ônibus com romeiros da Lapa que se envolveu em acidente na BR-116 tinha licenças em dia, diz ANTT


Por Banda B Publicado 17/03/2023 às 11h26
 Tempo de leitura estimado: 00:00

O ônibus que tombou na madrugada desta sexta-feira (17), na BR-116 ,com 51 romeiros que seguiam da Lapa, na Região Metropolitana de Curitiba (RMC), até Aparecida, em São Paulo, tinha as licenças em dia. As informações foram confirmadas pela Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT).

Foto: Flávio Nascimento/Colaboração.

O acidente aconteceu na região de Cajati, interior de São Paulo. Três pessoas morreram na hora e, segundo os bombeiros, pelo menos seis pessoas tiveram ferimentos graves. Ao todo, 20 ficaram feridas. A Prefeitura da Lapa apura a possibilidade de que outra svítimas tenham morrido no hospital.

Em nota, a ANTT lamentou profundamente e se solidarizou com os familiares das vítimas do acidente. A Agência informou que acompanha as ações da Arteris, concessionária responsável pelo trecho da rodovia, que auxiliou no atendimento às vítimas.

Foto: Flávio Nascimento/Colaboração.

Documentação em dia

Sobre a regularidade documental do veículo, a ANTT disse que a Jan Tur Transporte e Turismo, empresa responsável pelo ônibus, possui habilitação vigente para realizar o transporte interestadual de passageiros, no modo fretamento.

Além disso, o veículo, de placas NBJ9F35, pertencente à empresa, também possuía licença de viagem válida.

A ANTT informa que acompanhará as apurações das causas do acidente. A Agência destacou que vai dar todo o suporte necessário aos órgãos competentes com relação as investigações.

Foto: Flávio Nascimento/Colaboração.

Luto oficial

Em virtude da grande comoção na cidade, a prefeitura decretou luto oficial de três dias. Neste período, as bandeiras deverão ficar a meio mastro em respeito. O Departamento de Ação Social e a Secretaria de Administração estão disponibilizando a estrutura municipal para o velório das vítimas.

Publicado primeiro por

Receba as mais lidas da semana por e-mail

Comentar

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *