Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nossos sites, personalizar publicidade e recomendar conteúdo de seu interesse. Ao acessar o Portal do Trânsito, você concorda com o uso dessa tecnologia. Saiba mais em nossa Política de Privacidade.

Recuperação de pontos danificados por chuvas avança na Estrada da Graciosa; pare-e-siga continua


Por Banda B Publicado 30/01/2023 às 09h33 Atualizado 16/03/2023 às 15h42
 Tempo de leitura estimado: 00:00

As obras de recuperação da Estrada da Graciosa, a PR-410, no litoral do Paraná, avançaram na semana passada. A informação foi divulgada pelo Departamento de Estradas de Rodagem do Paraná (DER-PR), nesta segunda-feira (30). Com isso, a operação pare-e-siga está mantida pelas próximas semanas.

Foto: Albari Rosa/AEN.

Segundo o DER-PR, os trabalhos estão concentrados em dois pontos críticos, no km 7 e no km 8, danificados pelas chuvas no final do ano passado. No km 8, onde um escorregamento de terra com árvores e rochas atingiu a pista, está sendo realizado o retaludamento da encosta danificada, bem como a execução de dispositivos de drenagem.

O local também continua recebendo os serviços de perfuração dos pontos que receberão chumbadores, para posteriormente ser instalada e fixada tela metálica de alta resistência.

No km 7, onde o escorregamento de material foi abaixo da rodovia, chegando a causar rachaduras no pavimento, já foram executadas 30% das colunas com a técnica “jet grouting”, que injeta nata de cimento no solo, para consolidar e melhorar a estabilidade do local.

O talude danificado receberá na sequência a recuperação de cortina atirantada, além de reforço da estrutura e implantação de novos drenos para direcionar a água das chuvas.

Foto: Albari Rosa/AEN.

Em breve, conforme o DER-PR, os serviços começarão a ser realizados no km 12, danificado no mesmo período. Enquanto isso, permanecem sendo elaborados os projetos para recuperar os dois pontos danificados do km 11, cujos escorregamentos aconteceram mais recentemente e já passaram por limpeza e retirada de materiais soltos. Também foi feita a instalação de barreiras de concreto New Jersey e sinalização provisória no bordo da pista no km 11, com o trânsito em meia pista por alguns metros.

Operação na Estrada da Graciosa:

  • Operação pare-e-siga do km 7 ao km 8, das 07h às 18h.
  • Pista simples com barreiras de concreto e sinalização no km 11+200 e km 11+600.
  • Bloqueio total nos demais horários, do km 6 ao km 16.

Chuvas

A histórica Estrada da Graciosa está em obras desde o dia 13 de dezembro, tendo sido atingida por escorregamentos de terra no final de novembro, em três locais.

O DER-PR informou que continua monitorando todos os trechos com taludes danificados, e alerta que, diante de um grande volume de chuvas, bem como qualquer alteração na condição das encostas, pode ser alterado o tráfego na Estrada da Graciosa, visando garantir a segurança dos usuários.

A recomendação é que os motoristas sigam com extrema cautela nestes locais, em velocidade reduzida e respeitando a sinalização de emergência. Nos dias de chuva, devem utilizar a rodovia somente em caso de extrema necessidade.

Foto: Albari Rosa/AEN.

Publicado primeiro por

Receba as mais lidas da semana por e-mail

Comentar

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *