Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nossos sites, personalizar publicidade e recomendar conteúdo de seu interesse. Ao acessar o Portal do Trânsito, você concorda com o uso dessa tecnologia. Saiba mais em nossa Política de Privacidade.

23 de julho de 2024

Celulares estão envolvidos em 25% dos acidentes de trânsito, diz estudo


Por Mariana Czerwonka Publicado 06/08/2013 às 03h00 Atualizado 08/11/2022 às 23h33
Ouvir: 00:00

Uso de celulares ao volante

Pesquisa da National Safety Council (NSC), dos EUA, revela que um em cada quatro acidentes de trânsito no país é causado por uso indevido de celulares ao volante. Segundo o relatório, os motoristas perdem até 50% da atenção.

O órgão alerta que a troca de mensagens, hábito cada vez mais popular (um em cada três prefere enviar SMS a fazer uma ligação), são consideradas prática perigosa ao volante.

Em 2011, pouco mais de 1% dos norte-americanos mandava SMS enquanto dirigia – contra 0,9% em 2010. Durante os dois anos, o índice de pessoas que usaram celulares para outras funções manteve-se estável, em torno de 5%.

Segundo o MarketWatch, especialistas de segurança alegam que recursos como o viva-voz também atrapalham o motorista. Esse tipo de dispositivo, apesar de deixar o indivíduo com as mãos livres, distrai e reduz a atividade cerebral relacionada à direção e ao senso de espaço.

Recentemente, um caso extremo ilustrou o perigo da combinação de celulares com automóveis: o trem que descarrilou na Espanha e matou 79 pessoas estava sendo comandado por um maquinista que não tirava os olhos do smartphone.

Fonte: Olhar Digital

Receba as mais lidas da semana por e-mail

Comentar

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *