Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nossos sites, personalizar publicidade e recomendar conteúdo de seu interesse. Ao acessar o Portal do Trânsito, você concorda com o uso dessa tecnologia. Saiba mais em nossa Política de Privacidade.

25 de fevereiro de 2024

Formar, educar e conscientizar: o importante papel dos CFCs para a sociedade brasileira

Com a entrada em vigor do CTB, as antigas autoescolas ganharam, além de um novo nome, um papel de extrema importância na educação de trânsito no Brasil.


Por Mariana Czerwonka Publicado 12/12/2023 às 08h15
 Tempo de leitura estimado: 00:00

Com a entrada em vigor do Código de Trânsito Brasileiro (CTB), em 1998, as antigas autoescolas ganharam, além de um novo nome, um papel de extrema importância na educação de trânsito no Brasil. Os Centros de Formação de Condutores passaram então, a transformar um candidato a motorista em um condutor consciente de sua responsabilidade nas ruas. E hoje, alguns anos depois, ainda há muita reflexão em torno desse papel perante a sociedade, no entanto, está mais do que provada a importante função dos CFCs nesse processo de aprendizagem.

Celso Alves Mariano, especialista e diretor do Portal do Trânsito, esclarece que antes do CTB, o Brasil tinha um índice de 30 mortos/100 mil habitantes no trânsito. Hoje estamos em média com um índice de 15 mortos/100 mil habitantes. Para ele, isso não seria possível sem uma formação adequada de condutores.

 “As autoescolas, representadas pelos instrutores, diretores de ensino e seus proprietários têm uma missão importante hoje que é a conscientização, principalmente, dos jovens no trânsito”, alerta Mariano.

O especialista cita também que essa conscientização se expande para muito além da sala de aula, pois muitos CFCs desenvolvem um intenso trabalho de prevenção, segurança e valorização da vida. “Em nosso ramo, conseguimos perceber a evolução significativa dos CFCs, eles passaram a se preocupar realmente com a formação cidadã do novo condutor”, avalia Mariano.

Mudança de cultura

Ainda de acordo com o especialista, o CFC tem uma difícil tarefa de mudar a cultura dos alunos que chegam à autoescola sem nenhuma motivação. Isso porque acham que sabem tudo sobre o ato de dirigir. “Os resultados são surpreendentes e muitos saem transformados e conscientes de seu papel no trânsito”, diz o especialista.

O especialista ainda destaca que atualmente o CFC talvez seja o único contato que o candidato à primeira habilitação tenha com a educação para o trânsito.

“O CFC é uma instituição de ensino, certificada e credenciada pelo Detran, com qualidade e responsabilidade para despertar no cidadão todos os requisitos necessários para que ele seja um condutor mais responsável, que conheça e respeite as leis, e que olhe os outros usuários com mais compreensão e dignidade”, explica.

Por todos esses motivos, Mariano faz um alerta. “Nós não podemos simplesmente voltar atrás em conquistas já estabelecidas desde 1998 quando o atual Código de Trânsito entrou em vigor. Naquela época, tivemos muitas melhorias no processo de formação de condutores e não podemos simplesmente regredir”, conclui.

Tecnodata apoia a excelência na educação para o trânsito e a importância do papel dos CFCs para a sociedade

Em momentos como o que estamos passando é imprescindível que todos que entendem a importância de um processo formal de aprendizagem na área do trânsito unam forças para apoiar as empresas que representam a educação e a valorização da vida. “Há 27 anos, desde o seu início, a Tecnodata está junto com os CFCs. Isso ocorre em apoio a uma educação de excelência para a formação de condutores e o Portal do Trânsito também reafirma esse posicionamento”, diz Mariano.  

O especialista diz ainda que em todos esses anos há muitas considerações, muito a evoluir, mas há um único consenso.

“O processo de formação de condutores tem um papel fundamental na luta por um trânsito mais seguro”, conclui Mariano.

Receba as mais lidas da semana por e-mail

Comentar

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *