Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nossos sites, personalizar publicidade e recomendar conteúdo de seu interesse. Ao acessar o Portal do Trânsito, você concorda com o uso dessa tecnologia. Saiba mais em nossa Política de Privacidade.

16 de julho de 2024

Arteris lança Guia de Atuação para programas sociais

No ano passado, a companhia destinou R$ 5,6 milhões para iniciativas sociais que beneficiaram diretamente mais de 449 mil pessoas de São Paulo, Minas, Rio, Paraná e Santa Catarina.


Por Assessoria de Imprensa Publicado 17/11/2023 às 17h58
Ouvir: 00:00

A Arteris, uma das maiores gestoras de rodovias do país, lançou recentemente o seu Guia de Atuação Social. Este é um documento que reúne orientações e diretrizes para o apoio a ações e programas. O guia é público e pode ser acessado no site da companhia. Assim, principalmente por proponentes que buscam incentivo financeiro para tirar do papel seus projetos de impacto social positivo para as comunidades e regiões próximas às concessões rodoviárias sob gestão da companhia em cinco estados.

Seja por meio de recursos próprios da empresa ou por leis de incentivo fiscal, como a Lei Federal de Incentivo à Cultura, Lei de Incentivo ao Esporte (LIE) e/ou os Fundos ligados à criança, ao adolescente e aos idosos, as propostas, exclusivas à pessoa jurídica, devem estar alinhadas aos temas e causas priorizadas pela Arteris. São elas: a valorização da vida, conscientização e humanização no trânsito, inovação e preservação e proteção ao meio ambiente.

O Guia de Atuação Social também busca dar transparência e evitar fraudes nos processos de gestão de doações e patrocínios. Isso porque se conduz de acordo com a legislação vigente no país, pela Política Anticorrupção e pelo Código de Conduta da Arteris. O documento reforça o compromisso da Arteris em contribuir com uma sociedade cada vez melhor, igualitária e sustentável. Ele é apenas uma das iniciativas que permeiam as estratégias da Agenda ESG da empresa, principalmente ligado ao pilar da Governança. Além disso, que contribuem com os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) da Organização das Nações Unidas.

“Além de garantir viagens seguras e confortáveis, temos como compromisso ajudar a desenvolver social e economicamente as regiões onde atuamos. É por isso que, preferencialmente, buscamos destinar recursos, além dos previstos em lei, para criar, ajudar a desenvolver e dar sequência a projetos que, acima de tudo, valorizem a vida, o que inclui proporcionar uma vida digna às pessoas” explica Christiana Costa, superintendente de Sustentabilidade da Arteris.

Mais de 449 mil pessoas beneficiadas em programas sociais

Entre os anos de 2020 e 2022, a Arteris destinou um total de R$ 5,6 milhões para 55 projetos sociais próprios e incentivados por meio de leis fiscais. O destino foi para a população de São Paulo, Minas, Paraná, Rio e Santa Catarina. Ao todo, em 2022, essas ações beneficiaram 449,6 mil pessoas em atividades voltadas predominantemente nas áreas de cultura, esporte e saúde, e da promoção, proteção e defesa dos direitos de crianças, adolescentes e idosos.

O Guri é um exemplo de incentivo e parceria da Arteris. O programa, do Governo do Estado de São Paulo, é gerido pela Santa Marcelina Cultura. Ele atende gratuitamente mais de 60 mil crianças e adolescentes por ano, em 384 polos de ensino, localizados em 282 cidades do Estado de São Paulo. Desde a criação do Guri, em 1995, já houve o atendimento de cerca de 1 milhão de crianças e adolescentes.

“O Guri já é parceiro da Arteris há nove anos. Juntos, além das atividades de formação musical para cerca de 845 alunas e alunos do programa, promovemos o desenvolvimento humano dessas crianças, adolescentes e jovens por meio de oficinas socioeducativas com temáticas de educação e cidadania. Entre essas ações, destaco a de humanização e atenção no trânsito que realizamos em 2023. O Guia de Atuação Social da companhia é uma ferramenta importante, pois evidencia que estamos em sinergia e caminhando juntos no desenvolvimento e engajamento das comunidades onde atuamos. Por tudo isso, agradecemos à Arteris pelo apoio na formação das alunas e alunos do Guri por todo o Estado de São Paulo”, comenta Paulo Zuben, Diretor Artístico-Pedagógico da Santa Marcelina Cultura.

No Guri, é por meio de atividades lúdicas e práticas que os alunos dão seus primeiros passos no mundo musical. Inclusive, por meio do estudo coletivo de canto ou instrumento, coral, prática de conjunto e teoria musical. Com isso, o programa proporciona a oportunidade de crescimento cultural e inclusão social. Não apenas para seus alunos e alunas, mas também para seus familiares e comunidades nas quais o programa atua.

Receba as mais lidas da semana por e-mail

Comentar

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *