Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nossos sites, personalizar publicidade e recomendar conteúdo de seu interesse. Ao acessar o Portal do Trânsito, você concorda com o uso dessa tecnologia. Saiba mais em nossa Política de Privacidade.

Veja 5 regras simples que podem evitar sinistros de trânsito

Veja algumas orientações que todos podem colocar em prática para reduzir os riscos de sinistros.


Por Mariana Czerwonka Publicado 23/02/2024 às 08h15
 Tempo de leitura estimado: 00:00
regras para evitar sinistros
Todos podem contribuir colocando em prática regras básicas para evitar sinistros. Foto: anyaberkut para Depositphotos

É de consenso geral que para baixarmos os índices de mortes no trânsito, cada um deve fazer a sua parte e ser responsável pela sua própria segurança e de todos no trânsito. Veja abaixo algumas orientações que todos podem colocar em prática para reduzir os riscos de sinistros.

Respeite os limites de velocidade

Trafegar dentro dos limites de velocidade estabelecidos garante um tempo maior de reação no caso de alguma situação inesperada. Além disso, em caso de um sinistro as consequências são menores. Manter distância do veículo da frente também é fundamental.

Atenção sempre!

Uma das principais causas de sinistro atualmente é a distração ao volante. Atitudes como comer, falar ao celular, enviar mensagens, mexer em aplicativos ou observar lugares externos pode comprometer, e muito, a segurança no trânsito. E atenção: o ser humano não consegue se concentrar em mais de uma atividade ao mesmo tempo. Portanto, o correto é afastar todas as distrações enquanto estiver dirigindo, não procurar objetos na bolsa ou no veículo e manter o foco na via.

Não dirigir cansado

Cansaço não combina com a direção. Dirigir cansado, com sono ou sob efeito de medicamentos pode ser tão perigoso quanto dirigir embriagado. Por esse motivo, o ideal é fazer paradas a cada duas horas ao volante e tomar uma xícara de café ou um copo de água fresca. Se estiver com muito sono, considere pedir para um conhecido conduzir ou, simplesmente, não dirigir.

Álcool nunca!

Mesmo em pequenas quantidades, a bebida alcoólica compromete a capacidade de reação do condutor, que é essencial para agir diante de uma situação inesperada. Beber café, tomar banho frio, alimentar-se ou fazer exercícios não reduzem os efeitos da bebida. Então a dica é simples: se beber, pegue carona com um motorista totalmente sóbrio, utilize o transporte público ou não dirija.

Pequenos hábitos fazem a diferença

Um trânsito mais humano e com menos sinistros não depende somente de grandes ações, mas de pequenas atitudes. Alguns hábitos que manterão a segurança podem e devem ser praticados no dia a dia. Veja:

  • Sempre sinalizar as intenções na via com setas indicadoras de direção, sinais de braço, piscadas nos faróis ou breves toques na buzina.
  • Manter sempre a manutenção preventiva no veículo e as revisões em dia, de acordo com os prazos do fabricante. 
  • Todos os passageiros do veículo devem usar o cinto de segurança. Em caso de um sinistro é possível amenizar as consequências.

Receba as mais lidas da semana por e-mail

Comentar

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *