Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nossos sites, personalizar publicidade e recomendar conteúdo de seu interesse. Ao acessar o Portal do Trânsito, você concorda com o uso dessa tecnologia. Saiba mais em nossa Política de Privacidade.

27 de fevereiro de 2024

Especialista explica o que é e para que serve o freio motor

Uma forma muito eficaz de conter a velocidade do veículo é justamente aproveitar a força do motor, o que se chama de freio motor.


Por Mariana Czerwonka Publicado 03/08/2023 às 08h15
 Tempo de leitura estimado: 00:00
Freio motor
A PRF realiza constantemente operações de fiscalização com foco na manutenção dos veículos e condições dos freios. Foto: Divulgação PRF.

Existem vários sistemas além de disco, tambor e pastilhas para conter o deslocamento dos veículos. Em veículos grandes, pesados, especialmente para aqueles momentos em que cargas estão sendo transportadas precisam de freios muito eficazes. E uma forma muito eficaz de conter a velocidade do veículo é justamente aproveitar a força do motor, o que se chama de freio motor.

Conforme Celso Mariano, especialista e diretor do Portal do Trânsito & Mobilidade, a força do motor, nesse caso, é utilizada não para tirar o veículo da inércia, para impor o movimento e para acelerar, mas o contrário: para conter a velocidade.

“O freio motor pode ser baseado em mexer na exaustão do motor, em comprimir ar dentro do cilindros ao invés da explosão do combustível ou então um sistema hidráulico auxiliar que cria um conjunto de resistências que faz com que tenhamos esse efeito de desacelerar as frenagens, de uma forma mais econômica e eficaz”, explica.

O especialista esclarece que não se trata só de poupar os freios. “Às vezes os freios de fato, não dão conta de conter a inércia de um veículo grande, carregado e em grande velocidade. O que pouca gente sabe é que freio-motor também é a expressão utilizada para quando nós reduzimos a marcha no nosso veículo, qualquer veículo. O efeito é de freio-motor. Ou seja, a maioria dos condutores já deve ter experimentado reduzir a marcha e sentido o quanto o carro desacelera limitado por aquela combinação de uma marcha mais curta que ele colocou sem acelerar. É uma forma econômica e eficaz de dirigir, especialmente de conter a velocidade”, conclui.

Assista ao comentário completo de Celso Mariano sobre o que é e para que serve o freio motor, no programa Tira-dúvidas do Portal do Trânsito.

Fiscalização PRF

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) preparou, recentemente, uma operação de fiscalização com foco na manutenção dos veículos e condições dos freios. Com a medida, a PRF busca conscientizar os motoristas, principalmente os profissionais, sobre a importância do funcionamento pleno dos equipamentos de segurança dos veículos para evitar acidentes e garantir uma viagem mais tranquila.

Manutenção

O motorista profissional é responsável pelo veículo assim como deve conferir diariamente o sistema de freios e outros itens de segurança, como condições dos pneus, funcionamento do sistema de sinalização e luzes, limpadores de para-brisa, entre outros.

O que diz a lei

Durante a fiscalização, se for identificado problema que comprometa a segurança do veículo bem como da rodovia, o condutor será autuado. No entanto, a depender da situação, poderá ter seu veículo recolhido ao pátio.

“Para além disso, um sistema de freio bem cuidado pode salvar a vida do motorista e de outras pessoas em eventual acidente de trânsito”, reforça a PRF.

Quem conduz nessa situação comete infração grave, que acarreta o pagamento de multa no valor de R$195,23 e 5 pontos na CNH. Além disso, receberá um prazo para regularizar o veículo e reapresentar nas unidades da PRF. Ou, a depender da gravidade, é possível recolher o veículo ao pátio.

Receba as mais lidas da semana por e-mail

Comentar

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *