Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nossos sites, personalizar publicidade e recomendar conteúdo de seu interesse. Ao acessar o Portal do Trânsito, você concorda com o uso dessa tecnologia. Saiba mais em nossa Política de Privacidade.

17 de julho de 2024

Fogo às margens das rodovias exige atenção de motoristas

Com aumento das queimadas em razão da estiagem, Eixo SP orienta usuários a adotar medidas de segurança viária.


Por Assessoria de Imprensa Publicado 05/07/2024 às 18h00
Ouvir: 00:00
Fogo nas rodovias
Condutores devem redobrar a atenção quando se depararem com fogo às margens das rodovias. Foto: Divulgação Eixo SP

A estiagem prolongada no Estado de São Paulo antecipou o período seco do ano e, consequentemente, os registros de queimadas e fogo nas margens das rodovias aumentaram nos últimos dias. Os focos de incêndio registrados apenas neste mês de junho no trecho sob concessão da Eixo SP Concessionária de Rodovias representam quase metade de todas as queimadas que ocorreram desde o início do ano. Foram 392 ocorrências em 2024. Desse total, 186 foram registradas apenas em junho, ou seja, 47% das ocorrências em um mês.

O coordenador de Meio Ambiente da Eixo SP, Gabriel Bispo, lembra que normalmente o período de estiagem começa em junho e se estende até setembro. No entanto, neste ano, a seca se intensificou em razão das alterações climáticas e mais especificamente dos bloqueios atmosféricos que estão afetando há meses grande parte do País, impedindo a formação de chuvas.

“Diante desse cenário alarmante, pedimos a colaboração de todos que circulam pelas rodovias para que não joguem bitucas de cigarro pela janela nem outros tipos de resíduos que possam desencadear novos focos de incêndios”, reforça Gabriel.

A preocupação com o fogo é ainda maior quando ele está próximo à rodovia, por representar um grande perigo à segurança dos usuários. Isso porque a presença de fumaça na pista reduz a visibilidade dos motoristas e aumenta o risco de acidentes. Para garantir que a viagem transcorra com segurança, é crucial que os motoristas sigam algumas medidas preventivas e adaptem o comportamento ao volante diante das condições adversas.

Orientações

As principais orientações, segundo a coordenadora de Operação de Tráfego da Eixo SP, Raquel Fernandes Monteiro, são as seguintes:

Reduza a velocidade: Ao entrar em um trecho com fumaça, ajuste a velocidade para um nível seguro que permita tempo de reação adequado. Diante da visibilidade reduzida, dirija devagar e com cautela.

Mantenha distância segura: Siga a uma distância maior do veículo à frente. Isso garante mais tempo para frear em caso de necessidade e evitar colisões.

Ligue os faróis: Ligue os faróis baixos e, se a fumaça estiver densa, use também os faróis de neblina. Jamais use os faróis altos, pois podem piorar ainda mais a visibilidade.

Evite ultrapassagens: Ultrapassagens são extremamente perigosas em condições de baixa visibilidade. Espere até que a visibilidade melhore e realize a manobra somente quando tiver certeza que é possível fazer com segurança.

Tenha atenção redobrada: Fique atento a outros veículos, pedestres, ciclistas e animais que podem estar na pista. Mantenha a calma e concentração absoluta na pista.

Pare em local seguro: Se a visibilidade estiver muito baixa, pare em um local seguro fora da pista, como um posto de gasolina ou área de descanso. Aguarde até que a fumaça diminua ou a visibilidade melhore antes de seguir viagem. Nunca pare no acostamento.

Ações preventivas

Todos os anos, quando se aproxima o período seco, a concessionária coloca em prática ações que têm como finalidade principal evitar os focos de incêndio ou pelo menos minimizar ao máximo o efeito dessas queimadas para os usuários de rodovias. Entre essas ações está o trabalho de conscientização dos proprietários rurais sobre a importância de construir e de manter os aceiros limpos.

Aceiros são faixas de terreno sem vegetação, cuja finalidade principal é evitar que o fogo se espalhe. Normalmente, os aceiros são construídos ao longo das cercas, ao redor de postes e em outras partes da propriedade rural. Eles são fundamentais para prevenir queimadas de grandes proporções.

Outra medida adotada pela concessionária é a participação na campanha São Paulo sem Fogo, em parceria com o Governo do Estado, Artesp (Agência de Transportes do Estado de São Paulo) e demais concessionárias que integram o Programa de Concessões Rodoviárias. A campanha tem por objetivo conscientizar usuários das rodovias a respeito do perigo que as queimadas representam para a segurança no trânsito.

Além das campanhas educativas, a Eixo SP investe também em medidas preventivas como, por exemplo, o trabalho de monitoramento das queimadas feito pelas câmeras instaladas em todo o trecho e também pelas equipes que fazem a ronda com viaturas 24 horas por dia. A finalidade deste monitoramento é detectar o foco de incêndio ainda em seu início, quando é mais fácil controlá-lo.

Receba as mais lidas da semana por e-mail

Comentar

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *