Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nossos sites, personalizar publicidade e recomendar conteúdo de seu interesse. Ao acessar o Portal do Trânsito, você concorda com o uso dessa tecnologia. Saiba mais em nossa Política de Privacidade.

23 de fevereiro de 2024

Brasil: presidente Lula exalta papel de ônibus elétricos para futuro sustentável da mobilidade no país

Lula destacou o importante papel que os ônibus elétricos desempenham nesta nova economia que tem como foco ações sustentáveis.


Por Pauline Machado Publicado 16/06/2023 às 18h00
 Tempo de leitura estimado: 00:00

No início do mês, o presidente Luiz Inácio Lula da Silva participou, em São Bernardo do Campo (SP), da inauguração do novo prédio da Eletra, maior empresa de ônibus elétricos da América Latina, reafirmando o compromisso de atuar para fazer a indústria voltar a crescer.

Na ocasião, Lula destacou o importante papel que os ônibus elétricos desempenham nesta nova economia e na mobilidade.

Esta que tem como foco as ações sustentáveis, assim como vem acontecendo em todo o Brasil e no mundo. De acordo com ele, cabe ao Estado atuar para fortalecer empresas como a Eletra.

“No início, um ônibus elétrico é muito mais caro do que um ônibus normal, mas, no funcionamento dele, quando começa a operar, custa 73% a menos do que o ônibus normal a diesel. Por isso, é que a gente tem que apostar numa empresa brasileira. É aí que entra a importância do Estado”, enfatizou o presidente do Brasil.

Ele ressaltou também, a necessidade de renovar a frota de ônibus que hoje faz o transporte escolar nos municípios. Além disso, que esse pode ser um caminho para apoiar a produção nacional de ônibus elétricos na mobilidade. “Cabe ao Estado garantir a sobrevivência da indústria brasileira, para que a gente possa um dia ser competitivo com o exterior. Se temos que comprar alguma coisa, temos que valorizar o produto brasileiro que gera emprego no Brasil, que gera renda no Brasil e que melhora a qualidade de vida das pessoas”, evidenciou.

Oportunidades no comércio exterior

O presidente Lula acrescentou que o Brasil não pode abdicar das compras governamentais, que, de acordo com ele, são a oportunidade das pequenas e médias empresas sobreviverem – disse, referindo-se à venda de ônibus elétricos chineses para o Brasil, que competem com os desenvolvidos no país. “Eu adoro que o Brasil participe do comércio mundial. Os chineses são nosso maior parceiro e agradeço sempre. Mas, em se tratando de negócio, prefiro fazer com brasileiros para fortalecer a indústria nacional”.

Milena Braga Romano, presidente da Eletra, enfatizou que a cadeia produtiva do ônibus elétrico pode gerar 10 mil empregos nos próximos três anos. A perspectiva é de aumentar para 30 mil. “A Eletra está se preparando para ser não apenas a maior e mais versátil montadora de ônibus elétrico da América Latina, mas líder global em transporte público sustentável”, concluiu a empresária.

Receba as mais lidas da semana por e-mail

Comentar

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *