Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nossos sites, personalizar publicidade e recomendar conteúdo de seu interesse. Ao acessar o Portal do Trânsito, você concorda com o uso dessa tecnologia. Saiba mais em nossa Política de Privacidade.

13 de julho de 2024

Aumenta 28% roubos e furtos de veículos na cidade de São Paulo e região metropolitana

Sandero entra para o top 10 dos mais roubados e furtados.


Por Assessoria de Imprensa Publicado 04/11/2023 às 18h00
Ouvir: 00:00

Os roubos e furtos de veículos dispararam 28% na cidade de São Paulo e Região Metropolitana, sendo que na Capital predomina a elevação de ocorrências com 61% – comparando com toda a região metropolitana de SP.

O levantamento é da empresa de rastreamento veicular Ituran, autotech israelense líder global em monitoramento veicular. Os dados são da Secretaria da Segurança Pública do Governo de São Paulo.

O VW Gol sofreu um aumento de 20% (de 2.111 ocorrências para 2.541), GM Onix se manteve na mesma média (de 2.393 para 2389). Já, o Fiat Uno teve aumento de 23% (de 1.891 para 2.331), GM Corsa de 37% (de 1.534 para 2.098), Hyundai HB20 aumento de 28% (de 1.602 para 2.056), Ford Ka aumento de 18% (de 1.684 para 1.982), Fiat Palio aumento de 28% (de 1.366 para 1.754), Fiat Argo aumento de 91% (de 819 para 1.562). Além disso, VW Fox queda de 11% (de 1.380 para 1.225) e Renault Sandero aumento de 75% (de 577 para 1.010).

O coordenador de operações da Ituran Brasil, Fernando Correia, explica que o Sandero, antes em 15º colocado em 2022, entrou para os modelos Top 10 em 2023 dos mais roubados e furtados. Os veículos acima de 5 anos, segundo o especialista, predominam nas ocorrências com mais de 30 mil ocorrências.

Nos modelos Top 10 predomina com 86% furto assim como 13,37% de roubo. Na Capital, o bairro preferido é o Tatuapé, Ipiranga, Vila Matilde, Itaquera e Vila Prudente. Nas demais regiões da região metropolitana de SP, por exemplo, Santo André, Guarulhos e Osasco vem logo na sequência da Capital. Lá, o furto de veículos também é predominante com 85,69% de furto.

Modelos mais roubados e furtados:

Receba as mais lidas da semana por e-mail

Comentar

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *