Notícias

Notícias

Pilotos de corrida participam da campanha pela consciência no trânsito 

Os pilotos do World Endurance Championship 6 Horas de São Paulo, a ser realizado neste sábado (15) no Autódromo de Interlagos, levarão em seus carros a mensagem Ser consciente no trânsito evita mortes, durante a corrida. É uma ação que faz parte da campanha Pela Consciência no Trânsito, lançada nos treinos da última quinta-feira (13) pelo ministro das Cidades, Aguinaldo Ribeiro, e o bicampeão brasileiro de Fórmula 1 Emerson Fittipaldi. A velocidade com segurança é muito emocionante, mas nossos motoristas precisam se conscientizar de que lugar de correr é nos autódromos e kartódromos. Se quer correr vem para a pista. Temos ambientes próprios para desenvolver a velocidade, disse o ministro das Cidades, depois de passar a quase 200 quilômetros por hora em frente os boxes dos pilotos. A campanha é uma das ações do Pacto Nacional pela Redução de Acidentes, o Parada – Um Pacto pela Vida. A partir de agora, convocamos a sociedade brasileira para reduzir os acidentes nas ruas e nas estradas. Através do pacto, pretendemos sensibilizar a sociedade como um todo, afirmou Ribeiro. A criação do Parada responde à Assembleia-Geral das Nações Unidas, que estabeleceu o período de 2011 a 2020, como Década de Ação para a Segurança no Trânsito. A iniciativa tem como meta a redução de 50% nos óbitos decorrentes de acidentes de trânsito, em 10 anos. Para Emerson Fittipaldi, a volta dada pelo ministro no autódromo, a bordo de um carro de corrida, representa o símbolo da campanha. Através dessas mensagens vamos criar um impacto no povo brasileiro. É um ato muito importante. Hoje são 3,5 milhões de carros a mais transitando no país, por ano, disse. Ele concorda que correr em segurança é a melhor emoção e isso deve ser feito no local certo. A segurança de correr em uma pista de autódromo é outra dimensão de emoção. A maneira correta é não correr nas ruas e nas estradas, afirmou o bicampeão do mundo. O ministro Ribeiro ressaltou que o Brasil está passando por um momento ímpar, diferenciado no mundo. A parceria com a Federação Internacional de Automobilismo (FIA) e o Instituo Emerson Fittipaldi marca a primeira ação da Semana Nacional de Transito, que começa no dia 18 de setembro. Segundo ele, as ações são um apelo para diminuir o número de 42 mil mortes, por ano, nas estradas em todo país. O ministro afirmou, ainda, que as ações vão repercutir na área de saúde, onde há gastos que poderiam estar sendo usados com a saúde preventiva. Se você quer beber, não dirija. Se o motorista incorpora em seu dia-a-dia esta cultura vai evitar os acidentes. A punição não trará de volta uma vida que se perdeu, destacou. A partir dessa mobilização, o Ministério das Cidades promoverá diversas ações, como a apresentação de vídeos educacionais em parceria com todos os Detrans do país, prefeituras e governos dos estados. A campanha será continua e o transito passa a ser uma preocupação permanente. Fonte: Portal do Planalto e Ministério das Cidades

Artigos Recomendados Para Você

Deixe uma resposta

Campos obrigatórios *

Trocar a senha

Identifique-se para receber um e-mail com as instruções de nova senha.

[wp_user active='forgot']