Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nossos sites, personalizar publicidade e recomendar conteúdo de seu interesse. Ao acessar o Portal do Trânsito, você concorda com o uso dessa tecnologia. Saiba mais em nossa Política de Privacidade.

27 de fevereiro de 2024

Lançamento do Relatório Global sobre a Segurança Rodoviária 2023 acontece dia 13

O Relatório sobre a situação global da segurança no trânsito 2023 detalha a escala global de mortes no trânsito.


Por Mariana Czerwonka Publicado 12/12/2023 às 18h00
 Tempo de leitura estimado: 00:00

O lançamento do Relatório de situação global sobre segurança no trânsito 2023 acontecerá às 10h CET [Genebra] do dia 13 de dezembro de 2023. A transmissão ocorrerá ao vivo neste link.

O Relatório sobre a situação global da segurança no trânsito 2023 detalha a escala global de mortes no trânsito assim como o progresso no avanço de leis, estratégias e políticas para reduzi-los em todo o mundo.

O relatório de 2023 fornece a primeira visão geral completa do progresso alcançado durante a Década de Ação para a Segurança Rodoviária das Nações Unidas 2011–2020 e estabelece uma base de dados para a Década de Ação para a Segurança Rodoviária 2021–2030.

Os palestrantes incluem:

  • Dr. Tedros Adhanom Ghebreyesus, Diretor-Geral, Organização Mundial da Saúde.
  • Michael R. Bloomberg, fundador da Bloomberg L.P e da Bloomberg Philanthropies. Embaixador Global da OMS para Doenças e Lesões Não Transmissíveis [por vídeo].
  • Jean Todt, Enviado Especial do Secretário-Geral da ONU para Segurança Rodoviária.
  • Donna Price, Associação Irlandesa de Vítimas de Estrada.
  • Khuất Việt Hùng, vice-ministro, presidente do Comitê Nacional de Segurança Rodoviária, Vietnã.
  • Raquel Barrios, YOURS – Jovens pela Segurança Rodoviária Embaixadores, presidentes de câmara bem como decisores políticos de todas as regiões da OMS.
  • Líderes da sociedade civil assim como de organizações filantrópicas.

Década Mundial

A terceira Conferência Global da ONU sobre Segurança no Trânsito, realizada em fevereiro de 2021 em Estocolmo, definiu os anos de 2021 a 2030 como a Segunda Década de Ação pela Segurança no Trânsito. Ou seja, a meta é a redução de, pelo menos, 50% de lesões e mortes no trânsito no mundo inteiro. Entre as principais recomendações da Declaração de Estocolmo está o controle da velocidade no trânsito, incluindo o objetivo de estabelecer um limite máximo de 30 quilômetros por hora em áreas de maior concentração de usuários vulneráveis e veículos – exceto se houver “fortes evidências” de que velocidades acima deste limite possam ser adotadas com segurança.

Receba as mais lidas da semana por e-mail

Comentar

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *