Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nossos sites, personalizar publicidade e recomendar conteúdo de seu interesse. Ao acessar o Portal do Trânsito, você concorda com o uso dessa tecnologia. Saiba mais em nossa Política de Privacidade.

O combustível pode evaporar no tanque?  

Para especialista, em condições extremas, a evaporação de combustível pode ocorrer e inclusive afetar a mecânica do automóvel. Entenda mais neste artigo


Por Accio Comunicação Publicado 29/02/2024 às 13h30
 Tempo de leitura estimado: 00:00
Carros que gastam mais combustível no Brasil
Foto: Pixabay.com

Você já se perguntou se um combustível pode evaporar do tanque? De acordo com o professor de Engenharia da Faculdade Anhanguera, Vinícius de Castro Toledo, a evaporação pode de fato acontecer

“Tanto a gasolina quanto o etanol podem evaporar gradualmente quando armazenados em um tanque. Isso pode ocorrer devido a fatores como temperatura e ventilação, destaca.  

Do mesmo modo, Toledo garante que podem acontecer problemas mecânicos, caso a temperatura ambiente seja muito alta. Em condições extremas, pode haver risco de problemas mecânicos, como partida difícil do motor”, ressalta o professor.  

Portanto, é preciso entender em que circunstâncias a evaporação do combustível acontece: do estado líquido (água) para o gasoso (fumaça), de forma lenta.  

Vale ressaltar que a energia acelera o processo de evaporação do combustível. A gasolina, por exemplo, evapora a partir de 50º graus. Já o etanol a partir de 70º graus. Portanto a gasolina evapora mais rápido do que o etanol.  

No entanto, o combustível, no tanque, passa pelo processo de pressurização para que o gás saia do automóvel. Com essa saída, o carro não explode.  

O combustível pode ficar velho?  

Posto de combustível no Rio de Janeiro
Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil. 

A resposta é sim. Segundo o professor Vinícius de Castro Toledo, a deterioração pode acontecer devido à oxidação e evaporação.  

“Tanto a gasolina quanto o etanol podem deteriorar-se ao longo do tempo devido a processos de oxidação e evaporação. Isso pode levar à formação de resíduos, o que pode afetar o desempenho do combustível”, ressalta Castro Toledo.  

Por isso, o motorista não deve manter a gasolina ou o etanol por muito tempo no tanque. Afinal, todo combustível possui prazo de validade.  

 “Há um limite de tempo para manter a gasolina ou o etanol. Ambos os combustíveis têm prazos de validade e podem sofrer degradação se armazenados por longos períodos. Recomenda-se o uso dentro do prazo especificado pelo fabricante e, se necessário, adição de estabilizadores de combustível para prolongar a vida útil”, finaliza.

Caso esteja considerando manter um mesmo combustível por mais do que 3 meses em seu tanque, lembre-se de consultar o prazo especificado pelo fabricante para garantir o correto funcionamento do veículo. 

E você, sabia que o combustível e a gasolina podem evaporar? Conte para nós se você já teve alguma experiência em que o combustível evaporou.

Receba as mais lidas da semana por e-mail

Comentar

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *