Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nossos sites, personalizar publicidade e recomendar conteúdo de seu interesse. Ao acessar o Portal do Trânsito, você concorda com o uso dessa tecnologia. Saiba mais em nossa Política de Privacidade.

O que significa a linha vermelha no trânsito?

De acordo com o Manual Brasileiro de Sinalização Horizontal, de 2022, usa-se a cor vermelha no trânsito para demarcar ciclovias ou ciclofaixas e inscrever símbolo (cruz).


Por Mariana Czerwonka Publicado 21/03/2024 às 08h15 Atualizado 28/03/2024 às 11h28
 Tempo de leitura estimado: 00:00
linha vermelha no trânsito
Exemplo de uso da linha vermelha no trânsito: ciclofaixa em Curitiba. Foto: Lucilia Guimarães/SMCS

A sinalização horizontal tem a finalidade de transmitir e orientar os usuários sobre as condições de utilização adequada da via, compreendendo as proibições, restrições e informações que lhes permitam adotar comportamento adequado, de forma a aumentar a segurança e ordenar os fluxos de tráfego. Em algumas situações, a sinalização horizontal atua, por si só, como controladora de fluxos. É possível empregá-la como reforço da sinalização vertical, bem como haver complemento com dispositivos auxiliares. Ela pode ter várias formas, padrões e cores. Hoje vamos falar especificamente da linha vermelha no trânsito.

Leia também:

Quais as diferenças entre a linha amarela e a linha branca no trânsito? 

De acordo com o Manual Brasileiro de Sinalização Horizontal, de 2022, usa-se a cor vermelha no trânsito para demarcar ciclovias ou ciclofaixas e inscrever símbolo (cruz). Vamos ver alguns exemplos:

Marcação de ciclofaixa ao longo da via

Esta linha vermelha delimita a parte da pista de rolamento destinada à circulação exclusiva de bicicletas, denominada ciclofaixa. Deve-se utilizar quando for necessário separar o fluxo de veículos automotores do fluxo de bicicletas. Ainda segundo o Manual, deve-se complementar esta marcação com sinalização vertical de regulamentação R-34 – “Circulação exclusiva de bicicletas”, associada ao símbolo “Bicicleta” aplicado no piso da ciclofaixa.

Símbolo indicativo de via, pista ou faixa de trânsito para indicação de rota de bicicleta

Utiliza-se para indicar a existência de rota de bicicletas. Além disso, é um reforço do sinal de regulamentação R-34 – “Circulação exclusiva de bicicletas”, em faixa/via de uso exclusivo para bicicleta (ciclofaixa ou ciclovia).

Símbolo indicativo de área ou local de serviços de saúde (SAS) “Serviços de Saúde”

Utiliza-se essa marcação para indicar ao condutor a reserva de vagas destinada ao estacionamento de veículos e/ou embarque e desembarque de passageiros e/ou pacientes. Este símbolo é composto por uma cruz vermelha inscrita em um círculo branco. De acordo com o Manual, é possível utilizá-lo como reforço quando se deseja reservar vaga(s) para veículos em serviço de saúde nas condições estabelecidas pela sinalização vertical de regulamentação. Além disso, estar acompanhado dos sinais verticais de regulamentação de estacionamento e/ou parada, complementados com as informações pertinentes a cada tipo de serviço de saúde prestado, referentes ao período de permanência, horários, etc. Assim como, legendas complementares que forem necessárias.

Deve estar acompanhado também das linhas que constituem a Marcação de Áreas de Estacionamento Regulamentado ao longo da via, para definição das vagas disponibilizadas para esse fim.

Receba as mais lidas da semana por e-mail

Comentar

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *