Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nossos sites, personalizar publicidade e recomendar conteúdo de seu interesse. Ao acessar o Portal do Trânsito, você concorda com o uso dessa tecnologia. Saiba mais em nossa Política de Privacidade.

13 de julho de 2024

Pesquisa identifica a “sensação de farol aceso” gerada pelo painel


Por Mariana Czerwonka Publicado 13/03/2015 às 03h00 Atualizado 08/11/2022 às 22h55
Ouvir: 00:00

Acendimento do painelQuando escurece, devemos acionar os faróis do nosso veículo para facilitar a circulação pelas ruas e evitar acidentes. Por isso, saber utilizar as luzes e lanternas corretamente é muito importante para dirigir com tranquilidade, pois elas são um importante instrumento de comunicação com todos que compartilham a mesma via.

A visibilidade no trânsito é um fator muito importante de segurança e é a iluminação dos faróis que permite que o motorista veja não só os obstáculos da via, como também os outros ocupantes da mesma, como outros motoristas, pedestres e ciclistas.
Diante desse cenário, o Observatório Nacional de Segurança Viária identificou que alguns veículos comercializados no Brasil têm o acendimento da iluminação do painel de instrumentos efetuado apenas com a ignição do veículo, possibilitando o tráfego do mesmo com os faróis apagados, uma vez que o motorista tem a sensação de faróis acesos, visto que internamente as luzes do painel estão acesas.
Por isso, o Observatório realizou uma pesquisa que visava identificar características do acendimento de painéis eletrônicos que pudessem induzir os motoristas a trafegar em condições pouco seguras. O documento comprovou que esta é uma prática que acontece com 30% dos veículos analisados, ressaltando que é importante que os condutores fiquem atentos ao acendimento efetivo do farol para evitar acidentes de trânsito.

Receba as mais lidas da semana por e-mail

Comentar

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *